SociedadeUrbanismo

GO Porto lança novo concurso público para requalificação da EB dos Correios

A GO Porto – empresa municipal de Gestão e Obras do Porto – lançou, nesta terça-feira, novo concurso público para a empreitada de requalificação da EB dos Correios, com publicação do anúncio em Diário da República.

Obras no Quarteirão D. João I com conclusão prevista para o próximo ano

As obras que decorrem no Quarteirão D. João I estão a avançar, prevendo-se que terminem já no próximo ano.

Mercado do Bolhão abre na primeira quinzena de setembro

Empreitada está concluída. Nova data garante maior número de espaços em funcionamento e conferirá tranquilidade à transferência dos comerciantes.

Câmaras do Porto e de Lisboa partilham experiências na área do Urbanismo

Pedro Baganha, vereador com os pelouros do Urbanismo e Espaço Público e da Habitação, recebeu nos Paços do Concelho a sua congénere lisboeta, Joana Almeida.

Candidaturas para arrendamento com vista a comércio e serviços no Centro Histórico terminam sábado

Primeiro procedimento do género abrange cinco imóveis integralmente reabilitados.

Primeira alteração ao Plano Diretor Municipal será apreciada em reunião de Câmara

Proposta visa a integração no documento das normas específicas do Programa de Orla Costeira Caminha-Espinho.

Auscultação sobre reconversão das Avenidas Atlânticas recebeu quase mil participações

Foram recebidas quase 1000 participações durante o período de auscultação pública aos projetos de reconversão das Avenidas Brasil e Montevideu, período que terminou a 31 de março.

Está aberto o concurso para arrendamento não habitacional no Centro Histórico

Prazo de candidaturas decorre até ao dia 30 de abril.

Executivo aprovou plano estratégico a uma década para a gestão do Centro Histórico

Está aprovado o novo Plano de Gestão e Sustentabilidade para o Centro Histórico do Porto, Ponte Luiz I e Mosteiro da Serra do Pilar, documento estratégico para a salvaguarda deste bem inscrito na lista do Património Mundial da UNESCO desde o dia 5 de dezembro de 1996.

Executivo aprovou plano estratégico a uma década para a gestão do Centro Histórico

Documento estabelece as prioridades para o território classificado como Património Mundial da UNESCO.