Notícias em destaque

Revista VEJA São Paulo escreve sobre a reabilitação urbana do Porto

A VEJA São Paulo publica esta semana um artigo sobre o crescimento da reabilitação urbana em Portugal ao longo da última década. O caso do Porto é assinalado como exemplo que soube aproveitar uma conjuntura favorável à regeneração do seu centro urbano.

Mercado Temporário do Bolhão mantém-se de portas abertas

O Mercado Temporário do Bolhão continua a assegurar a venda de bens essenciais em horário normal, de segunda a sexta, das 8 às 20 horas, e aos sábados, das 8 às 18 horas.

Trabalhos de reabilitação em mais 20 blocos do Bairro da Pasteleira

O conjunto de habitação social da Pasteleira vai continuar a ser reabilitado. Depois de concluída a intervenção no bloco 1, seguem-se trabalhos de melhoria noutros 20 blocos, num investimento municipal próximo dos 7 milhões de euros.

Tecnológica do Porto comprada por gigante francesa muda-se para novo complexo de escritórios da cidade

A ITSector foi comprada pela Alten, mas mantém a sede no Porto, ocupando agora o Porto Office Park, na Boavista.

Município lidera projeto para alojamento e reintegração socioprofissional de sem-abrigo

O Município do Porto tem em curso o projeto “Porto Sentido - Habitação, Capacitação, Reinserção”, para a reinserção social e profissional de 60 pessoas em situação de sem-abrigo.

Rui Moreira contesta decisão de manter a data das eleições: “nesse dia, por acaso, tudo pode funcionar”

O presidente da Câmara do Porto reafirmou esta tarde que a melhor solução era adiar as eleições presidenciais marcadas para dia 24. Com o país a preparar-se para um novo confinamento geral, Rui Moreira diz-se indignado com a decisão dos partidos em não alterar a Constituição. Quanto à recolha de votos nos lares fala em “total irresponsabilidade”.

Candidaturas para a nona edição do Porto Solidário abrem a 19 de janeiro

O período para a apresentação de candidaturas à nova edição do Porto Solidário – Fundo Municipal de Emergência Social, que presta auxílio às famílias com o pagamento de despesas de arrendamento ou compra de habitação, tem início no próximo dia 19 de janeiro.