Edição 7 do jornal Porto. começou a ser distribuída - Notícias - Portal de notícias do Porto. Ponto.
Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Edição 7 do jornal Porto. começou a ser distribuída
10-08-2018

Acaba de ser impresso o novo número do Porto., o jornal da Câmara do Porto. Importantes dossiês da atualidade da cidade preenchem as páginas desta sétima edição, que começa agora a ser distribuída pelas casas dos munícipes. Em breve estará também disponível a versão digital.


Como tema de capa surge a internalização dos serviços de limpeza e recolha de resíduos pela Empresa Municipal do Ambiente. O fim das concessões, nesta área, representa uma significativa poupança nos cofres da autarquia, mas sobretudo um processo de limpeza mais eficiente e ecológico. A partir de outubro, transcorrida a fase de transição destes serviços, ter-se-á uma cidade mais limpa - como todos desejamos.

O processo de descentralização anunciado pelo Governo, uma questão que traz à tona uma série de Desequilíbrios (este é, aliás, o título do editorial de Rui Moreira), merece destaque nesta edição: aqui se expõe, por exemplos práticos, recentes e controversos, a "tragédia de um país centralista".

E, no entanto, o Porto vai fazendo obra, intervindo em distintas áreas. O programa Rua Direita, que permitirá requalificar 88 arruamentos da malha fina viária da cidade; a grande reabilitação do Bairro do Cerco; a capacidade de chamar à agenda política nacional a reabilitação das ilhas; e, a propósito, a urgente necessidade de novas políticas de habitação, com o Município a revelar o que está a fazer (como a aquisição do Bairro da Tapada) e o que gostaria de fazer, mas não o deixam; ou o Bolhão vivo durante o sábado inteiro, no Mercado Temporário, são outros temas chamados ao jornal.

Como matéria de fundo, um bem essencial. Uma entrevista ao responsável pela Águas do Porto e a exposição das grandes frentes de ação desta empresa municipal permitem ao leitor mergulhar e navegar com conhecimento de causa num universo que merece a atenção de todos. Há muita coisa a acontecer e o elementar é fácil de resumir: a qualidade da água que corre nas torneiras do Porto é muito boa, mantendo-se o tarifário entre os mais baixos do país.

Lembra-se também, por exemplo, que a cidade vai ter um novo sistema de gestão de tráfego; que a Feira do Livro do Porto é já em setembro, nos Jardins do Palácio de Cristal; ou que há muitas pontes aéreas com o resto do mundo, mais uma Taxa Turística a trazer receita importante para aplicação em habitação, mobilidade e limpeza. Entre estes e outros assuntos, dá-se também espaço à opinião, com artigos da lavra de representantes das várias forças políticas com assento na Assembleia Municipal. Ao longo de 24 páginas, é o Porto de todos que se folheia.