Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Câmara do Porto associa-se à limpeza da fachada que marca os 250 anos do Hospital de Santo António
12-10-2020

A limpeza profunda da fachada do Hospital de Santo António, que marca os 250 anos do lançamento da primeira pedra para a sua construção, vai contar com o apoio do Município.


A proposta assinada pelo presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, nota que o emblemático edifício foi declarado monumento nacional em 1910 e que a iniciativa de limpeza da fachada permitirá devolver o esplendor e importância àquele grandioso imóvel que constitui um marco indelével na paisagem urbana do Porto.

Convidada pela Santa Casa da Misericórdia do Porto, proprietária do edifício, a associar-se à efeméride, e tendo em conta que a reabilitação deste monumento nacional se reveste de manifesto e relevante interesse municipal, a Câmara do Porto aprovou por unanimidade o apoio à iniciativa.

Assim, a contribuição municipal para a limpeza da fachada do Hospital de Santo António assumirá duas formas: um apoio financeiro no montante total de 20.000 euros, ao qual se junta a isenção total do pagamento das taxas devidas diretamente relacionadas com a operação de limpeza da fachada, nomeadamente pela ocupação do domínio público municipal com a instalação de andaimes, no valor máximo previsto de 21.300 euros.

A operação de limpeza da fachada do Hospital de Santo António deverá ter um custo total na ordem dos 500 mil euros e terá a duração aproximada de um ano.

Após o trabalho de limpeza concluído, a fachada do hospital vais ser iluminada à noite, para que seja possível apreciar melhor a magnitude do edifício desenhado pelo arquiteto inglês John Carr, que enviou os planos para o Porto e nunca terá visto a obra presencialmente.