Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

O Porto cantou a chegada do novo ano em coro com Miguel Araújo nos Aliados
01-01-2020
Muitos temas conhecidos levaram a multidão a aderir desde os primeiros acordes ao concerto de Miguel Araújo que, nesta noite, fez um dos períodos mais quentes da festa de Passagem de Ano no palco dos Aliados com que a cidade confirmou que festa é no Porto. Mesmo numa noite fria.

Como prometido pelo músico na sessão de "sound check" durante a manhã anterior, Miguel Araújo subiu ao palco principal da cidade logo que terminou o grandioso espetáculo de luz, som e pirotecnia de entrada no ano. E continuou a aquecer o ambiente que Tiago Nacarato acendera mesmo no final de 1999.

Ao longo de mais de uma hora e meia, Miguel Araújo interpretou sucessos que têm feito a sua carreira com "Os Azeitonas", com outras bandas e a solo, desde o "Anda comigo ver os aviões" à "Dona Laura" ou a "Os maridos das outras", contagiando o público e levando-o a cantar consigo as letras conhecidas.

A multidão não se deixou abalar pelo frio noturno que se abatera sobre a cidade e celebrou para aquecer e divertir-se, abraçando-se e abraçando o novo ano, festejando à moda do Porto e comprovando que aqui se faz uma enorme Passagem de Ano.

Aliás, a festa não terminaria no final do concerto de Miguel Araújo, às 2 da madrugada, seguindo pelo menos até às 4 com vários DJ, tanto nos Aliados como nos palcos alternativos dos Poveiros e da Cordoaria. E é retomada com outra sonoridade, às 16 horas deste primeiro dia de janeiro, com o Concerto de Ano Novo pela Banda Sinfónica Portuguesa, igualmente nos Aliados e com acesso livre.