Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Mais de 10 mil pessoas assistiram ontem ao último dos Concertos na Avenida com a Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música
10-09-2017
Como é tradição neste ciclo de setembro dos Concertos na Avenida, coube à Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música encerrar a programação, com um concerto oferecido à cidade em plena Avenida dos Aliados.

Foi uma noite verdadeiramente mágica, com um reportório preenchido por alguns dos números mais popularizados da música sinfónica.

Pelo meio, o público foi convidado a viajar por várias épocas e lugares, ora empolgando-se com o alegre can-can de Offenbach, ora emocionando-se com o Intermezzo de uma das mais célebres óperas italianas, a Cavalleria Rusticana de Pietro Mascagni.

Outro momento marcante da noite foi o emblemático solo de flauta do andamento De Manhã, de Edvard Grieg, com uma evocação do nascer do dia e onde o público foi convidado a identificar o exato momento em que o sol desponta no horizonte do longínquo Sahara.

Empolgado pelo ritmo e os acordes bem conhecidos da Valsa das flores, de O Quebra-Nozes, o concerto animou com as danças latinas de Chabrier, Mejía e Moncayo, numa noite que encerrou de forma perfeita, quase épica, ao som de um dos mais emblemáticos e conhecidos temas do cinema, a Main Title Theme do filme Star Wars.