Bolhão

Câmara vota reforço das compensações para os comerciantes do Bolhão

Proposta será discutida na reunião pública do Executivo de segunda-feira, dia 13.

Mercado do Bolhão abre na primeira quinzena de setembro

Empreitada está concluída. Nova data garante maior número de espaços em funcionamento e conferirá tranquilidade à transferência dos comerciantes.

Empresa britânica visita obra de restauro e modernização do Mercado do Bolhão

A empresa municipal GO Porto recebeu, recentemente, a YOO Capital na obra de restauro e modernização do Mercado do Bolhão.

Últimos dias dos concursos para ocupar 28 espaços no Mercado do Bolhão

Termina na próxima segunda-feira, 14 de fevereiro, o prazo de candidaturas relativo aos dois concursos para a atribuição de 28 espaços que ainda se encontram vagos no Mercado do Bolhão.

Entrada da Casa Chinesa e da Casa Moreira no Porto de Tradição em consulta pública

Reconhecimento pelo programa municipal dos dois estabelecimentos foi aprovado em reunião de Executivo.

Concursos para ocupar 28 espaços vagos no Mercado do Bolhão a decorrer desde hoje

Prazo de candidatura estende-se até 14 de fevereiro.

Vêm aí novos concursos para atribuir 28 espaços vagos no Mercado do Bolhão

Abertura dos procedimentos marcada para 25 de janeiro.

Executivo aprova reforço de compensações para os comerciantes do Mercado do Bolhão

Foi aprovada por unanimidade a revisão dos valores das compensações para os comerciantes do Mercado do Bolhão face ao reajustamento do prazo de conclusão da obra. Trabalhos de restauro e modernização devem estar terminados ainda este ano, e durante o primeiro trimestre de 2022 decorrerá a instalação de equipamentos e outras adaptações. Abertura ao público está prevista para o segundo trimestre do próximo ano.

As memórias do Bolhão regressam no momento de meter a chave à porta

Entrega das chaves aos inquilinos dos estabelecimentos do exterior do Mercado do Bolhão está praticamente concluída. A obra de restauro e modernização deste ícone da cidade avança a bom ritmo e cresce a expectativa do reencontro entre comerciantes e clientes.

Estudo indica que descentralização acarreta défice anual de 12 milhões para o Município

O presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, citou na Assembleia Municipal um trabalho académico que aponta para um desequilíbrio entre receitas e despesas decorrente da descentralização de competências.