SociedadeUrbanismo

Câmara do Porto aprovou hoje expropriação de terrenos para reabilitar Bairro do Leal

A Câmara do Porto aprovou hoje, com a abstenção da CDU, a expropriação de cinco prédios no Bairro do Leal, para permitir o avanço do processo de demolição do bairro do Aleixo.

Participação na revisão do PDM

No âmbito da revisão do PDM, a Câmara do Porto disponibilizou online um inquérito sobre satisfação com a vivência na cidade. Paralelamente, inicia-se um ciclo de sessões temáticas dedicadas ao tema.

Estaleiro de obra ganha nova vida

Foram necessários apenas dois dias para que os painéis do estaleiro da obra da rua do Carmo ganhassem uma nova vida, numa parceria entre a Câmara do Porto e a ESAD.

Obras obrigam a cortes de água

Na próxima quinta-feira, 14 de abril, será necessário proceder ao corte temporário de abastecimento de água nas ruas da Saudade e de S. Paulo.

Prémio Nacional de Reabilitação Urbana 2016

A reabilitação do Palácio do Bolhão recebeu um dos prémios de referência no setor, o Prémio Nacional de Reabilitação Urbana, vencendo a categoria de reabilitações com impacto social.

Primeiras obras do Bolhão

As obras de restauro e modernização do Mercado do Bolhão deverão começar no próximo verão, embora não implique, de imediato, a deslocação dos comerciantes para o mercado temporário.

Ciclo de debates sobre Idosos

Esta quinta-feira inicia-se a o primeiro de uma série de workshops temáticos promovidos pela Câmara do Porto no âmbito da adesão à Rede Mundial de Cidades Amigas das Pessoas Idosas.

Bairro Machado Vaz em obras

O bairro municipal Machado Vaz, situado na freguesia de Campanhã entra, dentro de poucos dias, em obras de reabilitação. A empreitada abrange todos os 13 edifícios, com 272 habitações.

Mercado do Bolhão já pode avançar

A Câmara do Porto já recebeu o parecer vinculativo da Direção-Geral de Cultura que permite requalificar o Mercado do Bolhão, o que vai permitir lançar o concurso público até ao início de abril.

Bairro do Aleixo já tem "luz verde"

O presidente da Câmara do Porto anunciou hoje existirem agora "condições de regressar" ao processo do bairro do Aleixo, depois de recebido o parecer do Tribunal de Contas.