Sociedade

U.Porto destaca-se no concurso nacional de acesso ao ensino superior

  • Porto.

  • Notícia

    Notícia

#fib_universidade_porto.jpg

Porto.

Metade dos 10 cursos com a nota mais alta de entrada na primeira fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior 2021/2022 são da U.Porto, com média recorde para Medicina.

Com um total de 4748 candidatos colocados, a Universidade do Porto volta a dominar o topo da tabela dos cursos com as mais altas notas de entrada no ensino superior em Portugal, colocando três cursos no “top 5” e cinco entre os 10 com a nota de acesso mais elevada.

Medicina do ICBAS (190,3 valores), Engenharia e Gestão Industrial (189,8) e Medicina da FMUP (188,2) destacam-se então entre os cinco cursos superiores que registam a classificação média de entrada mais elevada deste ano. Já o “top 10” inclui ainda os cursos de Bioengenharia (187,5 valores) e de Línguas e Relações Internacionais (185,4), numa lista onde apenas uma outra instituição coloca mais do que um curso (Universidade de Lisboa, com dois ciclos de estudo).

A média de entrada em Medicina no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar teve um ligeiro aumento de apenas cinco centésimas, que foi suficiente para ultrapassar os 19 valores – o último colocado entrou com média de 19,3. Segundo uma análise da agência Lusa, é a média de entrada mais alta num curso de Medicina desde 2004, ano a que se referem os dados mais antigos disponíveis na página da DGES.

No total, 8783 candidatos selecionaram um dos 52 cursos da U.Porto como a sua primeira opção para frequentar o ensino superior, o que significa que houve 1,8 candidatos por cada uma das 4820 vagas disponíveis, assinala o portal noticioso da Universidade do Porto.

Os estudantes agora colocados na U.Porto devem realizar o seu processo de matrícula a partir desta segunda-feira e até 1 de outubro, sexta-feira. À semelhança do que aconteceu no ano letivo anterior, as matrículas voltam este ano a decorrer exclusivamente através da Internet, no site www.up.pt.pt/matriculas.

Já o Politécnico do Porto é a quarta instituição com mais estudantes colocados pelo concurso nacional de acesso (a que acrescem os colocados pelo concurso local) e a terceira instituição com maior estimativa de novos inscritos no ensino superior no ano letivo que agora começa. O P.Porto abriu 3159 vagas (3319 com o concurso de acesso local), teve 4180 candidatos em primeira opção e 3124 colocados para um total de 64 vagas sobrantes.

A nível nacional, mais de 49 mil novos estudantes entraram no ensino superior, revelam dados divulgados pelo Ministério do Ensino Superior.