Mobilidade

Tribunal de Contas dá luz verde à passagem da gestão da STCP para as autarquias

Miguel Nogueira

O
Tribunal de Contas (TdC) deu hoje luz verde à transferência da gestão da
Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) para os municípios do Porto,
Matosinhos, Maia, Gondomar, Valongo e Vila Nova de Gaia. Este visto permite a conclusão de um processo há
muito desejado.


Recorde-se
que o Conselho de Ministros aprovou, em 29 de setembro, o novo modelo de
gestão da STCP, que passa a ser assegurada, por um período máximo de sete anos,
pelas seis autarquias onde opera, mantendo-se a empresa na esfera do Estado.


Esta passagem deveria, à partida, ter-se
realizado no início deste ano. No entanto, a 13 de março o TdC devolveu, por
dúvidas, o contrato para a transferência da gestão. O visto hoje conhecido vem
afirmar que está tudo devidamente esclarecido.


Só agora, com o visto do TdC, poderá ser convocada uma
assembleia-geral da STCP e feita a nomeação dos novos administradores da
empresa, sendo que o autarca do Porto, Rui Moreira, já anunciou ter escolhido Paulo Azevedo para o cargo de presidente.