Ambiente

Três séries de programas virtuais vão levar a natureza até às casas dos portuenses

Os serviços municipais do Ambiente estão a lançar três séries de programas de Educação Ambiental através do YouTube. O mote central da iniciativa "Para já fica em casa, nós levamos a Natureza até ti!" concentra todo o conhecimento e experiência de uma vasta equipa de educadores, assistentes sociais, artistas e biólogos, que trabalha anualmente com milhares de pessoas, nas hortas pedagógicas, espaços verdes, oficinas permanentes e sazonais e em atividades nas escolas. O primeiro episódio da série "De binóculos no sofá" já estreou.

Nas últimas semanas, a equipa dos Centros de Educação Ambiental do Porto preparou um plano para colocar o seu conhecimento e experiência disponível através do mundo virtual, de modo a contornar o isolamento social a que todos estamos confinados.

Estando toda a equipa em regime de teletrabalho, cada programa é gravado a partir da casa, tratando-se esta de uma primeira experiência do grupo de profissionais neste mundo, já que as atividades de educação ambiental são preferencialmente presenciais, experimentais e sensoriais.

Na série "De binóculos no sofá" (ver primeiro episódio abaixo) os portuenses são convidados a sentar-se tranquilamente no seu sofá e conhecer uma ave, uma árvore, um anfíbio, um réptil, uma planta, um mamífero, um inseto, destacando-se curiosidades de cada espécie. Ideal para adultos curiosos e não especialistas, esta série vai disponibilizar semanalmente um novo episódio.

Neste lançamento, fala-se sobre o abelhão, um inseto que tem o poder de polinizar várias plantas por causa da frequência do seu zumbido forte, a única que permite que o pólen de certas espécies, como o tomate e o mirtilo, se liberte da flor. No segundo e terceiro serão apresentadas as curiosidades do carvalho e do melro.

Para seguir os episódios do programa "De binóculos no sofá" nas redes sociais pode utilizar as hashtags #ficaemcasa e #debinoculosnosofa. Cada um tem duração aproximada de três minutos.

Nesta sexta-feira, dia 17, inicia já a segunda série "Histórias com ambiente dentro", que se destina exclusivamente a crianças e famílias, através de contos que tratam temas de ambiente. Ao final de cada história é lançado um desafio às crianças.

A primeira história chama-se "O psicólogo dos Oceanos" e é um conto original de Ana Luísa Coutinho e Luís Monteiro, elementos da equipa de educação ambiental do Município do Porto. A cada sexta-feira é lançado um novo conto.

As hashtags #ficaemcasa e #historiascomambientedentro identificam o programa nas redes sociais.

"Biodiversidade em casa" é o nome da terceira e última série, com estreia marcada no dia 23 de abril. Cada episódio consiste em oficinas práticas para promover a biodiversidade dentro de casa e também na alimentação.

Os breves filmes vão explicar como se cultivam plantas para sopas e saladas, flores comestíveis ou plantas para atrair insetos e embelezar o jardim (que também pode ser vertical). Será ainda possível aprender como fazer um vaso que não precisa de rega, entre outras partilhas.

Cada episódio é lançado semanalmente às quintas-feiras e o primeiro ensina a cultivar plantas para saladas e sopas.

Para facilmente descobrir a série "Biodiversidade em Casa", especialmente dirigida a curiosos e entusiastas de uma vida mais saudável e em ligação com a natureza, utilize as hashtags #ficaemcasa e #biodiversidadeemcasa.

A equipa de educação ambiental do Município do Porto trabalha habitualmente nos cinco Centros de Educação Ambiental dispersos pela cidade, desenvolvendo visitas, oficinas e projetos com a comunidade escolar dos vários níveis de ensino, bem como com adultos e famílias.

O presente programa de educação ambiental em modo virtual será continuado até ao final de 2020.