Mobilidade

STCP regista recuperação do número de passageiros com oferta reforçada

Miguel Nogueira

O reforço da oferta da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) está a ter correspondência no aumento da procura, com uma trajetória de recuperação nas últimas semanas. O número de passageiros na primeira semana de julho aproximou-se dos 160 mil por dia, o equivalente a 58% da média pré-pandemia de COVID-19.

"Ao longo das dez semanas de desconfinamento, verifica-se um aumento crescente dos níveis de procura nos autocarros da STCP. No entanto, estes números estão ainda aquém do habitual para esta altura do ano, se for feita a comparação com anos anteriores", observa a transportadora.

Em resposta a questões colocadas pela agência Lusa, a empresa de transportes destaca que, "com o arranque do mês de julho, na décima semana de desconfinamento, a STCP regista, em modo autocarro, 58% da média dos clientes do mês de fevereiro (fase pré-pandemia) e 65% face à média do mês homólogo do ano anterior".

A este crescimento da procura dos serviços de transporte correspondeu um aumento da oferta de autocarros por parte da STCP. Logo no início de maio, a empresa fez um ajuste da oferta para 95%. Com este ajustamento da disponibilidade de autocarros, a STCP "garante a capacidade de lotação máxima permitida nas viaturas de transporte público (dois terços) e reafirma a segurança nas viagens", esclareceu a empresa.

Os passageiros da STCP deram desde a primeira hora um exemplo de cidadania e responsabilidade, cumprindo rigorosamente as regras fixadas: utilização de máscara ou viseira, cumprimento do distanciamento social nas paragens e, no interior do veículo, lotação de dois terços.

Numa receção à Comissão de Trabalhadores da STCP, no início de maio, o presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, agradeceu aos trabalhadores da empresa transportadora pelo serviço público que prestaram à cidade durante a fase mais crítica da pandemia: "Falo em nome dos cidadãos do Porto, que não esquecerão o que têm feito e deve ter tradução prática no reconhecimento de todos", sublinhou.

A STCP viu no mês passado serem aprovadas as contas relativas a 2019, com um saldo positivo de 3,5 milhões de euros. No ano transato a empresa transportadora movimentou um total de 76,7 milhões de passageiros.