Sociedade

Quase dois milhões de LEDs vão iluminar a quadra de Natal no Porto

  • Notícia

    Notícia

O Porto vai inaugurar a 1 de dezembro, pelas 17,30 horas, as luzes de
Natal na cidade. Este ano haverá mais iluminação nas ruas (vão ser utilizados
mais 57 por cento de elementos decorativos face ao ano passado) e ainda mais
artérias iluminadas. Todos os suportes e elementos decorativos vão ser, este ano, iluminados com tecnologia LED, permitindo uma poupança de cerca de 80 por cento
no consumo de energia comparativamente à iluminação convencional.

Aproveitando
o feriado do próximo dia 1 de dezembro, o momento da ligação das luzes será
simbolicamente assinalado nos Aliados, junto à Árvore de Natal da cidade que
uma vez mais será erguida na Praça do General Humberto Delgado em frente ao
edifício dos Paços do Concelho.

Construída
de raiz propositadamente para o local, a árvore terá 26 metros de altura por 12
metros de diâmetro. Decorada a azul e dourado e com iluminação dinâmica terá
no seu topo uma estrela gigante com 4 metros, elevando-a assim aos 30 metros de
altura.

Tal
como no ano passado, em que mais de 20 mil pessoas se deslocaram aos Aliados
para presenciar este momento, os portuenses serão convidados, no próximo
feriado de 1 de dezembro, pelas 17,30 horas, a associar-se a esta festa que
incluirá uma parada musical e um espetáculo multimédia de luz e pirotecnia seguido de uma atuação dos Vozes da Rádio, com temas alusivos à quadra.


 


MAIS RUAS E UMA MANCHA DE LUZ MAIS
CONSISTENTE

Este ano, as iluminações de Natal vão
chegar a ainda mais ruas, largos, praças e rotundas da cidade, a exemplo,
aliás, do que tem vindo a acontecer nos últimos anos.

Assim, e procurando dar resposta às novas
dinâmicas da cidade, nomeadamente aos fluxos de público pelas zonas de maior
presença de comércio tradicional e de interesse turístico, as iluminações de
Natal vão abranger em 2016 um total de 48 localizações, mais sete do que em
2015 e mais 17 do que em 2014, estendendo-se agora, por exemplo, às ruas da
Alegria, do Bolhão e de Damião de Góis, às ruas do Loureiro e de Oliveira
Monteiro assim como à Avenida Dom Afonso Henriques e à Praça Batalha.

A par deste alargamento, a mancha de luz
será visualmente mais presente e consistente, fruto do incremento de suportes
decorativos por rua. Este ano serão utilizados 431 elementos decorativos (mais
154 do que em 2015), num aumento de 56 por cento face ao último Natal. O brilho
e a intensidade das iluminações também se fará notar ainda mais este ano com a
utilização de mais de 1,9 milhões de microlâmpadas incandescentes.

Dentro do contexto da quadra natalícia, a solução
global de decoração recorre a mais 90 por cento de elementos abstratos,
materializados de forma depurada. No global, procurou-se obter uma imagem geral
mais envolvente, acolhedora e uniforme entre as zonas iluminadas.

O branco quente, equivalente a uma
tonalidade dourada, será a cor predominante no projeto das iluminações de Natal
da cidade, conjugada com pormenores decorativos azuis. Será, portanto, um "azul
sobre ouro", cores que já tinham sido conjugadas em 2015 mas agora com uma
predominância do dourado.

A opção por uma tonalidade quente foi
feita em sintonia com a estratégia de animação da autarquia que visa tornar o
Porto ainda mais acolhedor nesta época festiva, num convite para sair e viver a
cidade.

As iluminações de Natal inauguram a 1 de
dezembro e prolongam-se até 8 de janeiro do próximo ano, sendo ligadas
diariamente às 17,30 horas.