Ambiente

Praias do Porto sujas levam Câmara a alertar APDL para as suas obrigações

O Presidente da Câmara do Porto alertou hoje, através de uma carta dirigida à presidente daquela entidade, para o estado em que se encontram as praias do Porto e que a sua limpeza é da sua competência. Rui Moreira diz que a autarquia até quer assumir essa tarefa no âmbito do processo de descentralização.

Na missiva enviada a Guilhermina Rego, presidente do Conselho de Administração da APDL, revela-se que a Câmara Municipal do Porto tem recebido inúmeras reclamações e alertas acerca do estado das praias marítimas da cidade, sobretudo devido à existência de lixo e detritos, que inibem munícipes e turistas de desfrutarem daquelas zonas.

Rui Moreira recorda a APDL que a Câmara Municipal do Porto tem reivindicado competências nesta matéria e estará pronta para assumi-las no quadro do processo de descentralização em curso, mas lembra que ainda não as possui e, por isso, encontra-se inibida de intervir numa área da competência da APDL.

O autarca pede assim que, o mais urgentemente possível, diligencie a limpeza e consequente manutenção das praias do Porto, garantindo não apenas a boa fruição e imagem das mesmas mas inclusivamente a sua segurança e salubridade, o que não pode ocorrer apenas na designada época balnear.

Rui Moreira apela ainda ao zelo que a APDL seguramente nutre por todas as zonas que considera estarem no domínio hídrico, como, sem margem para dúvidas, é este o caso.