Política

Porto acolhe reunião da UCCLA

  • Notícia

    Notícia

#mno_casario_porto.jpg

A Câmara do Porto vai acolher, dia 31 de maio, a XXXII
Assembleia Geral da UCCLA (União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa) e a exposição "Casa dos Estudantes do Império,
1944-1965. Farol da Liberdade".


A reunião, que decorrerá à porta fechada, contará com a
presença de várias individualidades que presidem a cidades e empresas
associadas da UCCLA. A presidência da assembleia geral da organização pertence
à cidade de Luanda, competindo ao general Higino Carneiro - presidente da
Comissão Administrativa de Luanda e Governador Provincial de Luanda - abrir os
trabalhos.


No mesmo dia, pelas 12,30 horas, será inaugurada a exposição
"Casa dos Estudantes do Império, 1944-1965. Farol da Liberdade", no
átrio dos Paços do Concelho.


Esta exposição pretende dar a conhecer um pouco melhor da
história e da realidade vivida pelos estudantes universitários das ex-colónias
portuguesas que frequentaram a Casa dos Estudantes do Império. É uma mostra
documental, com fotografias, publicações periódicas, livros, documentos
oficiais, etc, cedidos ou disponibilizados pelos associados e por algumas
instituições.


A exposição já esteve patente nas cidades de Lisboa
(Portugal), Maputo (Moçambique), Praia e Mindelo (Cabo Verde).


No mesmo dia, a UCCLA promove o encontro sobre "Perspetivas
Económicas dos Países da CPLP", um contributo para que se responda com otimismo
às preocupações resultantes da crise.


O encontro - que decorrerá, a partir das 15h00, no Coliseu -
é aberto ao público e versará sobre a "Diversificação e Financiamento das
Economias", a cargo de João Ferreira do Amaral e de Carlos Costa Pina, e sobre
a "Economia e Geopolítica do Petróleo" a cargo de Nuno Ribeiro da Silva,
Agostinho de Miranda e António Costa e Silva. O ex-Presidente da República de
Cabo Verde, Pedro Pires, encerrará o encontro com "Uma perspetiva de África".