Educação

Os 100 melhores projetos de investigação juvenil vão à Alfândega para a 12.ª Mostra Nacional de Ciência

Os 100 melhores projetos de ciência e investigação juvenil estarão expostos na Alfândega do Porto desta quinta-feira a sábado. A Mostra Nacional de Ciência, que vai já na sua 12.ª edição, é organizada pela Fundação da Juventude com a Ciência Viva - Agência Nacional para a Cultura Científica e Tecnológica e a Câmara do Porto. A entrada é gratuita.

São uma centena de projetos inovadores, disruptivos e até, do ponto de vista empresarial, constituem interessantes apostas. Vão estar no Centro de Congressos da Alfândega do Porto, de 31 de maio a 2 de junho, provando que os jovens portugueses têm ideias válidas para as áreas das Ciências do Ambiente, Biologia, Engenharias e Informática, entre outras.

A Mostra envolve 265 jovens, coordenados por 64 professores (de 41 estabelecimentos de ensino), que dão assim a conhecer os seus projetos aos visitantes e a um júri especializado que os irá avaliar. Os melhores terão passaporte direto para a participação nos mais variados certames internacionais, podendo ainda valer prémios na ordem dos 5.000€.

Bioeconomia, Biologia, Ciências da Terra, Ciências do Ambiente, Ciências Médicas, Ciências Sociais, Economia, Engenharias, Física, Informática e Ciências da Computação, Matemática e Química compõem todas as categorias dos 100 melhores projetos em exibição.

É a partir deste encontro de ciência que a própria Fundação da Juventude, enquanto promotora do Concurso de Jovens Cientistas e da Mostra Nacional de Ciência, seleciona os projetos destinados a representar Portugal em competições europeias e internacionais de ciência, como seja a Final Europeia e a Intel ISEF. Como explica o Presidente da Fundação da Juventude, Francisco Maria Balsemão, "é através de iniciativas como o Concurso para Jovens Cientistas que a Fundação da Juventude tem premiado o mérito e a investigação científica. Este esforço é reconhecido pelos prémios obtidos em participações internacionais".

A avaliação e a seleção dos trabalhos cabe a um Júri designado pela Ciência Viva, o qual integra professores e investigadores de reconhecido mérito das diferentes áreas científicas envolvidas. Pode consultar os projetos selecionados através do site da instituição - www.fjuventude.pt.

Com entrada livre, a 12.ª Mostra Nacional de Ciência estará aberta ao público nos seguintes horários:

Dia 31 de maio: 10h00-18h30
Dia 1 de Junho: 10h00-19h00 
Dia 2 de Junho: 10h00-16h30