Cultura

Museu das Marionetas do Porto reabre hoje portas com uma nova exposição

Filipa Brito

Após quatro meses de portas fechadas, o Teatro de Marionetas do Porto reabre nesta quarta-feira à tarde, com uma exposição que revisita alguns trabalhos emblemáticos da companhia.

Durante os quatro meses em que se manteve de portas encerradas, o Teatro de Marionetas do Porto esteve a trabalhar neste novo projeto, aproveitando para renovar o espaço, as peças e os seus discursos.

Agora, reabre com a exposição "Marionetas Contemporâneas: Criações e discursos", seguindo o conceito base do Museu das Marionetas do Porto e assumindo a relação existente entre o teatro/museu, a criação de espetáculos e a exposição das peças.

A mostra conta com peças emblemáticas da companhia - caso da "Miséria", "Vai no Batalha", "Óscar", "História da Praia Grande", entre outras - e novos espaços criados a pensar em novas dinâmicas com o público.

Com um programa dirigido a todas as idades, a exposição permite uma fruição diversa, que convida o visitante a embarcar numa viagem através das peças expostas, dos adereços, das histórias e de todas as atividades paralelas propostas.

A exibição fica patente até dia 31 de janeiro de 2021 e, além do mundo das marionetas contemporâneas de autor, convida o público a descobrir o trabalho da fotógrafa Susana Neves e ainda uma peça doada pelo artista plástico Ricardo Leite, pintada e inspirada nas marionetas do espetáculo "Macbeth", de João Paulo Seara Cardoso.

Face às atuais medidas de contingência, o Museu das Marionetas permanece aberto na Rua de Belmonte, de segunda a domingo, somente da parte da tarde, das 14 às 18 horas, e o uso de máscara, a desinfeção das mãos à entrada e o distanciamento físico de dois metros entre visitantes, são obrigatórios.

Com uma lotação máxima de 10 visitantes em simultâneo, o museu fecha diariamente, entre as 16 e as 16,30 horas, para desinfeção.