Mobilidade

Metro do Porto sem serviços mínimos devido à greve dos maquinistas

  • Porto.

  • Notícia

    Notícia

#mno_metro_07.jpg

Porto.

A Metro do Porto anunciou que, devido à greve convocada pelo Sindicato dos Maquinistas (SMAQ), a circulação do Metro estará sem serviços mínimos assegurados nesta quarta-feira, dia 28, sendo que já hoje, terça-feira, e também na quinta-feira encerrará a operação mais cedo.

Numa publicação no site oficial da empresa pode ler-se que "A Metro do Porto lamenta que o sindicato SMAQ e a subconcessionária para a operação e manutenção do sistema, o grupo Barraqueiro, não tenham conseguido alcançar um acordo que permitisse evitar a greve o consequente incómodo para os milhares de clientes do Metro".

Na mesma publicação, acrescenta a empresa aguardar com "expectativa que ambas as partes possam alcançar um entendimento que leve a que não haja nova greve no dia 30 de julho".

Os horários das últimas partidas disponíveis por linha podem ser consultados aqui.