Ambiente

LIPOR gera 12 vezes mais valor do que o investimento realizado

O valor total dos contributos gerados pela LIPOR é, pelo menos, 12 vezes superior ao investimento realizado. Em termos absolutos estimados, a um investimento assumido de 7 milhões de euros corresponde um total de contributos gerados de, pelo menos, 90 milhões de euros.

A LIPOR, entidade intermunicipal responsável pela gestão, valorização e tratamento dos resíduos urbanos, da qual o Município do Porto faz parte, conclui que o valor total dos contributos gerados pelos Serviços dos Ecossistemas que promove foi estimado como sendo, pelo menos, 12 vezes superior ao investimento realizado.

O mesmo significa dizer que a um investimento assumido pela LIPOR na ordem dos 7 milhões de euros, corresponde uma estimativa de valor total dos contributos gerados pelo Capital Natural de, pelo menos, 90 milhões de euros.

O cálculo teve por base a metodologia TEEB – The Economics of Ecosystems and Biodiversity , sistema que contabiliza os benefícios económicos globais da biodiversidade. Com o apoio técnico e científico da NBI - Natural Business Intelligence, foram “identificadas, quantificadas e valoradas economicamente as contribuições dos ecossistemas geridos pela LIPOR para diferentes dimensões do bem-estar humano”, informa a entidade em comunicado.

“O resultado foi obtido pelo balanço entre os investimentos assumidos pela LIPOR no Parque Aventura e projetos associados, nos últimos 20 anos, e a quantificação e valoração económica dos benefícios ecológicos (captura de carbono, solo, proteção contra incêndios, habitats e biodiversidade), benefícios sócio-ecológicos (hortas urbanas) e benefícios sociais (recreio, estética e sistemas de conhecimento)”, detalha ainda a entidade.

Além do Município do Porto, são associadas da LIPOR as cidades de Espinho, Gondomar, Maia, Matosinhos, Póvoa de Varzim, Valongo e Vila do Conde.