Sociedade

Escritor Carlos Tê fala no IndieJúnior sobre um dos filmes que mais o marcou

Músicos a falar dos filmes que marcaram a sua infância, oficinas várias, debates, conversas e, obviamente, muitos filmes estão acontecer até ao próximo domingo no Rivoli, Cinema Trindade e Biblioteca Municipal Almeida Garrett, no âmbito do IndieJúnior - 2.º Festival Internacional de Cinema Infantil e Juvenil do Porto. 

A secção O Meu Primeiro Filme do festival recebe, nesta noite, o músico e letrista Carlos Tê, celebrizado com as músicas de Rui Veloso. A partir das 21,30, no Trindade, recorda aquele que é um dos mais extensos títulos da história do cinema: "Those Magnificent Men in Their Flying Machines or How I Flew from London to Paris in 25 hours 11 minutes" ("Os Gloriosos Malucos das Máquinas Voadoras"), de Ken Annakin.

"Não sei se Os Gloriosos Malucos das Máquinas Voadoras foi o filme que mais me divertiu na infância, mas nenhum outro me ocorreu com a mesma limpidez", aponta Carlos Tê, reconhecendo que terá sido "talvez por ter descoberto nele um humor estapafúrdio, berço dos Monty Python, do Mr. Bean, do Black Adder, matriz do que viria a ser definido genericamente por humor britânico".

O Meu Primeiro Filme é a secção especial deste festival coproduzido pela Câmara do Porto, que faz o público viajar a três filmes da década de 50 essenciais ao imaginário infantil e familiar. Além de Carlos Tê e de Rui Reininho (vocalista dos GNR), que apresentou ontem "Viagem ao Centro da Terra", de Henry Levin, amanhã será a vez de Ana Deus (Osso Vaidoso, Três Tristes Tigres) apresentar "Alice no País das Maravilhas", a partir das 18,45 horas, também no Trindade.

Filmes e oficinas para as famílias

Entretanto, várias outras atividades compõem o IndieJúnior Allianz, que está a apresentar mais de 50 filmes de diferentes géneros, destacando-se o programa paralelo, que inclui três oficinas para este sábado.

A primeira, intitulada "Simetria e Assimetria", destina-se a maiores de 6 anos e acontece pelas 10 horas na Biblioteca Municipal Almeida Garrett (Jardins do Palácio de Cristal). A partir do filme "As Ilhas Gémeas, integrado no programa +6 anos de curtas metragens do festival em que se destaca o culto da simetria, propõe-se às famílias que procurem formas e imagens com contornos regulares e irregulares. A oficina, feita em colaboração com o Serviço Educativo da Galeria Municipal do Porto, finaliza-se com desenhos com tinta sobre papel dobrado. A entrada é gratuita mediante inscrição através do telefone 226 081 063 ou do correio eletrónico galeriamunicipal@cm-porto.pt .

A partir das 14,30 horas, na sala de ensaios do Rivoli (com repetição às 16,30 horas de domingo), as crianças com idade entre os 3 e os 14 anos e acompanhadas pela família vão "Trazer à Luz as Sombras" numa oficina em forma de lanterna mágica. Mais do que um efeito natural e menos importante da presença dos objetos no mundo, as sombras têm uma riqueza interessante de descobrir: as suas formas, a sua dança sempre dependente da luz, os contornos sugestivos que desenham sobre um papel ou uma superfície. Os participantes são assim convidados a voltar a olhar o que parecia evidente, a brincar às alumiações e às assombrações. A oficina dura cerca de uma hora e o bilhete tem o valor de 5 euros, sendo aceites pré-reservas através do e-mail festival@indiejunior.com .

A terceira oficina deste sábado é sobre crescer no século XXI e vai mostrar às crianças com mais de 10 anos que "O Bullying Não Tem Graça", a partir das 15 horas na Biblioteca Municipal Almeida Garrett. A temática é abordada de forma inventiva no filme "Bichinhos do Lixo", de Peter Stanley-Ward, que será exibido após a oficina a realizar em colaboração com o Serviço Educativo da Galeria Municipal do Porto e na qual serão criadas brincadeiras e proporcionado um espaço livre e leve para as famílias conversarem sobre crescer no século XXI. A entrada é gratuita, mediante inscrição através do telefone 226 081 063 ou do e-mail galeriamunicipal@cm-porto.pt .

Saiba tudo sobre o 2.º Festival Internacional de Cinema Infantil e Juvenil do Porto aqui.