Proteção Civil

O dia-a-dia dos Sapadores Bombeiros do Porto

Antes de
soar o alarme e de entrarem em ação, os Sapadores Bombeiros do Porto (BSB) desenvolvem
um vasto trabalho de preparação e formação em diversas competências.

Apesar de
serem mais lembrados na fase aguda do verão, em que os incêndios se propagam um
pouco por todo o país, o trabalho destes homens vai muito além de apagar fogos. No caso dos Sapadores
do Porto, uma formação com atuação preferencial em meio urbano, a atividade de
combate a fogos representa, em média, apenas entre 4 a 7% de todo o trabalho do
Batalhão.

Medidas de
prevenção, campanhas de sensibilização, simulacros, planos de emergência,
vistorias de segurança, prestação de socorro, como a intervenção em emergências
médicas, incêndios, operações de salvamento, abertura de portas, são apenas
algumas das tarefas que desenvolvem e que implicam rigorosos planos de formação
dentro do quartel.

O porto.pt foi acompanhar um dia no quotidiano
do Batalhão de Sapadores de Bombeiros do Porto,
composto, atualmente, por 240 efetivos e mostra-lhe o trabalho menos
visível daqueles que também são apelidados de soldados da paz.