Mobilidade

Começam mais dois dias de Metro a circular 24 horas

Miguel Nogueira

Aproxima-se o fim de semana, aproxima-se também a oportunidade de se deslocar em conforto e segurança nos transportes públicos do Porto. A partir da meia-noite de sábado até ao final de domingo o serviço decorre ininterruptamente. 

O verão na cidade vive-se intensamente. Pensando nisso, há cinco anos, a Câmara do Porto, a Metro do Porto e a STCP juntaram-se para desenvolver um plano de mobilidade especial que permite deslocações 24 horas por dia aos fins de semana.

O serviço, apelidado de MOVE Porto Metro 24H, renova-se em cada época estival, com o propósito de proporcionar aos utilizadores viagens rápidas, garantindo máxima comodidade e segurança, também no período noturno.

A nível mundial, são muito raros os casos de grandes metrópoles que têm este transporte público a operar continuamente. Nova Iorque é um desses casos, embora tenha sido Londres a cidade pioneira neste serviço.

Na Europa, embora a maior parte das capitais e grandes cidades assegure o serviço de metro até de madrugada, normalmente interrompendo as viagens entre a meia-noite e a 1 hora da manhã (o metro de Madrid está entre os que encerra mais tarde, às 2 horas), são também muito residuais os planeamentos especiais.

No Porto, a aposta renova-se, oferecendo aos passageiros a possibilidade de andarem na linha Amarela (D), entre o Hospital de São João e Santo Ovídio; e na linha Azul (A), entre o Estádio do Dragão e a Senhora da Hora. Em modo contínuo, e em todos os sentidos, o tempo de espera situa-se entre os 20 e os 30 minutos.