Cultura

Porta-Jazz e Concertos de Bolso na programação musical da Feira do Livro

  • Notícia

    Notícia

A Feira do Livro arranca já neste fim de semana e, à semelhança das edições anteriores, nem só de literatura se faz o evento. Entre uma variedade de atividades, há concertos para ver e ouvir já a partir desta sexta-feira, dia 28 de agosto.

Com uma programação diversificada, a sétima edição da Feira do Livro, organizada pela Câmara do Porto, reúne um conjunto de propostas musicais para presentear todos aqueles que, ao longo de 15 dias, vão passar pelo recinto nos Jardins do Palácio de Cristal.

Sob o mote "Alegria para o fim do mundo", o certame literário prontificou-se, na edição deste ano, a levar a música aos Jardins com a novidade dos Concertos de Bolso, uma iniciativa com a curadoria dos Maus Hábitos, e ainda o acarinhado Porta-Jazz ao Relento, um ciclo de concertos promovidos pela Associação Porta-Jazz, que este ano se agrega ao evento.

Com arranque logo no primeiro dia, a 28 de agosto, e em jeito de abertura do certame literário, o público poderá ouvir, a partir das 19 horas, o concerto do grupo Aquilo Que Vocês Quiserem, com cinco vozes femininas e instrumentos de bolso e, logo de seguida, o músico natural da Maia, S. Pedro.

Às 21,30 horas, será a vez do jazz ocupar o recinto com um concerto do trio MAU, liderado pelo contrabaixista Miguel Ângelo.

Com um total de seis concertos, a iniciativa Porta-Jazz ao Relento, apoiada pela empresa municipal Ágora - Cultura e Desporto, acontece todas as sextas-feiras e sábados, até dia 12 de setembro, sempre a partir das 21,30 horas, nos Jardins do Palácio, no relvado junto ao Largo dos Cavalinhos.

Durante o certame, será possível assistir ainda a concertos de João Grilo (dia 29 de agosto), A Incerteza de um Trio Certo (dia 4 de setembro), Hugo Raro com os Connecting The Dots (dia 11 de setembro) e Nuno Campos (dia 12 de setembro), que prometem noites repletas da melhor sonoridade do blues e do soul da cidade.

No que diz respeito aos Concertos de Bolso, iniciativa levada a cabo pelos Maus Hábitos - Espaço de Intervenção Cultural, de quarta-feira a domingo, no espaço exterior da Casa do Roseiral, é providenciado um retrato fidedigno do atual panorama musical da cidade, com: Osso Vaidoso (dia 5 de setembro); White Haus, o projeto a solo do portuense João Vieira (dia 6 de setembro); Sunflowers (dia 9 de setembro); Peixe, do guitarrista Pedro Cardoso (dia 11 de setembro); ou o grupo com inspiração tradicional e rítmica, Retimbrar (dia 12 de setembro).

A iniciativa tem o propósito de dar um alento e incentivo às bandas e músicos de diferentes géneros e gerações, que se encontram fragilizados pelas circunstâncias que marcaram estes meses de verão e levaram ao adiamento de muitas digressões.

A programação completa dos concertos e dos restantes eventos da Feira do Livro 2020 pode ser consultada AQUI.

Bilhetes

Face às restrições impostas pelo atual panorama de pandemia, a entrada é gratuita, mas sujeita ao levantamento de bilhetes no acesso ao Terreiro do Roseiral, 1,30 horas antes do início da atividade, e a entrega é limitada a dois bilhetes por pessoa, até à lotação do espaço (120 lugares). A abertura de portas é feita 30 minutos antes do início de cada concerto.

Programa Porta-Jazz ao Relento

- Sexta-feira, 28/08 : MAU - Utopia

- Sábado, 29/08: João Grilo - HVIT

- Sexta-feira, 04/09: A Incerteza de um Trio Certo

- Sábado, 05/09: Coreto Porta-Jazz - Analog

- Sexta-feira, 11/09: Hugo Raro - Connecting The Dots

- Sábado, 12/09: Nuno Campos - TACATARINATEM