Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Prémio de Excelência Científica da U.Porto vai para a FEUP
16-03-2020

O investigador do ano na Universidade do Porto é Pedro Camanho, Professor Catedrático da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) e investigador do Instituto de Ciência e Inovação em Engenharia Mecânica e Engenharia Industrial (INEGI).


Este prémio tem como objetivo reconhecer os seus docentes e cientistas que mais se destacam no domínio da investigação científica.
"Sinto-me muito honrado pela atribuição do Prémio de Excelência Científica da U.Porto. Foi na U.Porto que dei os primeiros passos na investigação científica e foi a U.Porto que criou as condições necessárias para desenvolver uma atividade científica que culminou neste prémio. Trata-se de um reconhecimento que se estende aos meus estudantes de doutoramento e aos colegas que me inspiraram ao longo dos anos", refere o investigador, reconhecido por unanimidade pelo júri do prémio.
O investigador é licenciado em Engenharia Mecânica pela FEUP (1995) e doutorado pelo Departamento de Aeronáutica do prestigiado Imperial College London (Reino Unido) em 1999.

Desde o seu regresso, em 1999, Pedro Camanho integra o Departamento de Engenharia Mecânica da FEUP. É Professor Catedrático da Faculdade de Engenharia desde 2014, presidente do Laboratório Associado de Energia, Transportes e Aeronáutica (LAETA) e ainda vice-presidente do INEGI.

Ao longo da sua carreira, Pedro Camanho tem-se destacado ao mais alto nível, sendo de salientar o modelo que desenvolver recentemente, o Modelo Camanho (em inglês, Camanho Method ou Camanho Model), que foi integrado na versão mais recente do Digimat, um software de referência para engenheiros de todo o mundo.
Pedro Ponces Camanho é ainda membro do Conselho Consultivo da Sociedade Europeia de Mecânica (EUROMECH), membro do Conselho da Sociedade Europeia de Materiais Compósitos (ESCM) e do Painel de Engenharia do Conselho Europeu de Pesquisa (ERC).

Pedro Camanho interessa-se particularmente no estudo e simulação, a várias escalas temporais e espaciais, dos mecanismos de deformação e fratura de materiais compósitos avançados. É também um especialista reconhecido no estudo e desenvolvimento in-silico de materiais compósitos não-convencionais, tais como materiais compósitos híbridos, nano-estruturados, com gradiente funcional de propriedades e multifuncionais.

O investigador da UP coordenou vários projetos de investigação financiados pela Agência Espacial Europeia, Airbus, NASA, Embraer, Daimler, Aernnova, União Europeia, FCT e Força Aérea dos EUA. Entre 2000 e 2011, foi cientista visitante no Centro de Investigação da NASA - Langley Research Center, tendo recebido em 2006 o Prémio NASA H.J.E. Reid Award for Outstanding Scientific Paper. Foi Royal Society Visiting Professor no Imperial College, em Londres (2005) e professor visitante no Laboratoire de Mécanique et Technologie, École Normale Supérieure de Cachan, Université Paris-Saclay (2014).

Publicou cerca de 130 artigos científicos, que receberam mais de 10,600 citações independentes.