Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Investigador do IA/U.Porto distinguido com bolsa Humboldt no valor de 100 mil euros
18-11-2019

Benard Nsamba, investigador do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) / Universidade do Porto e estudante do PhD::SPACE (rede de doutoramento do IA, com a participação das universidades do Porto e de Lisboa), ganhou uma bolsa individual da Fundação Alexander von Humboldt (Alemanha), no valor de 100 mil euros, para continuar a sua investigação sobre o domínio da física estelar na Alemanha.


A bolsa Humboldt destina-se a jovens cientistas, com menos de 40 anos, cujas cujas contribuições académicas sejam de elevado nível. Benard Nsamba tem 30 anos e é licenciado e Mestre em Física.

Nsamba chegou ao Porto em 2015 para investigar os interiores estelares, no Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) / Universidade do Porto, onde teve como orientadores Mário João Monteiro e Tiago Campante. No prestigiado Instituto Max Planck para a Astrofísica (MPA), na Alemanha, Benard poderá continuar a sua investigação.

"O meu projeto de investigação propõe explorar a física estelar das estrelas da sequência principal. E acredito que os recursos e especialidades no MPA vão permitir a concretização dos objetivos do projeto no prazo previsto. Também espero expandir a minha rede de colaborações científicas durante a minha estadia lá", explica o jovem investigador.

Mário João Monteiro, coordenador do PhD::SPACE, salienta que "o PhD::SPACE tem sido uma rede de doutoramento de bastante sucesso, tendo atraído excelentes estudantes nacionais e estrangeiros, interessados em fazer o seu doutoramento no IA. A bolsa atribuída a Benard confirma a forte formação que os nossos estudantes de doutoramento recebem, que lhes permite obter posições de investigação altamente cobiçadas, em instituições de investigação internacionais de topo".