Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) ajuda a lançar Telescópio CHEOPS para o espaço
13-12-2019

O telescópio espacial CHEOPS, que será lançado às 8h54 (hora de Portugal continental) da próxima terça-feira, dia 17 de dezembro, contou com a participação do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) e da DEIMOS Engenharia. Será lançado para órbita da Terra num foguetão russo Soyuz, a partir da base de lançamentos da Agência Espacial Europeia (ESA), em Kourou, na Guiana Francesa.


No âmbito do consórcio do CHEOPS, o IA - Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço tem a seu cargo a liderança científica em Portugal, sendo que a componente industrial ficou a cargo da DEIMOS Engenharia.

Este projeto conta com a participação de 11 países europeus e é liderado pela Suíça e pela ESA.

No dia 16 de dezembro, às 14h00, alguns dos membros do IA e da DEIMOS Engenharia ativamente envolvidos na missão estarão presentes, no Planetário do Porto - Centro Ciência Viva, para uma sessão pública de esclarecimento sobre o CHEOPS.

Para Nuno Cardoso Santos, líder da linha temática "A deteção e caracterização de outras Terras" do IA e professor da Faculdade de Ciências da U.Porto (FCUP), esta parceria "permitiu uma participação na missão CHEOPS ao mais alto nível. É um exemplo excelente de como a ciência pode ter um papel direto na economia".

Por seu lado, Sérgio Sousa, do IA/Universidade do Porto, que estará presente em Kourou, no dia 17 de dezembro, para o lançamento, explica que: "O IA tem uma forte participação no desenvolvimento e implementação desta missão, não só do ponto de vista científico, mas também do ponto de vista tecnológico, onde fomos responsáveis pela implementação da componente da calibração no software de redução de dados da missão".

Esta missão irá ajudar, por exemplo, a descobrir que outros planetas existem para lá do sistema solar, quais as suas características e que semelhanças têm com a Terra.