Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

"Diários de uma pandemia" pelo ISPUP ajudam a compreender adaptação à Covid-19
25-03-2020
O Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (ISPUP), e o Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESC TEC), em parceria com o jornal PÚBLICO, lançaram os "Diários de uma pandemia", para ajudar a compreender a forma como os cidadãos lidam com a pandemia de COVID-19 em Portugal.

Este estudo assenta num questionário diário, em que os cidadãos respondem a várias perguntas que ajudarão a compreender a dinâmica quotidiana dos Portugueses, no âmbito da adaptação a este surto do novo coronavírus.

Desta forma, e através da lógica da chamada "Ciência Cidadã" ("Citizen Science"), os cidadãos colaboram e participam na construção de conhecimento científico numa área que tanto impacta a vida da comunidade.

"Na Saúde Pública, não há ciência sem os cidadãos. Eles são o destinatário final do conhecimento científico e devem ser a principal fonte de informação na produção do conhecimento. Participar no estudo "Diários de uma pandemia" "é contribuir para sabermos como agir melhor, com o objetivo de diminuir o impacto negativo da epidemia em Portugal", salientam os investigadores responsáveis pelo projeto.

A informação recolhida será trabalhada por investigadores do ISPUP e do INESC TEC, e os resultados serão divulgados em Portugal pelo jornal PÚBLICO, em primeira mão. A única informação pessoal que é solicitada é o endereço de e-mail, para que se possa acompanhar a evolução das respostas de cada respondente.

A recolha de dados está prevista para os próximos 3 a 5 meses, em função da evolução do surto do novo coronavírus em Portugal.