Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Visões Úteis estreia "Velocidade de Escape"
15-03-2018

É com base numa expressão adotada pelos manuais da Física que nasce o título da próxima peça do coletivo Visões Úteis. "Velocidade de Escape" estreia esta sexta-feira, às 21 horas, no Teatro Carlos Alberto, e tem mais duas sessões agendadas até domingo, 18 de março. 


São apenas três as oportunidades para assistir à mais recente proposta do grupo Visões Úteis. "Velocidade de Escape", espetáculo promovido pelo Teatro Nacional São João (TSNJ), chega ao polo de Carlos Alberto apropriando-se de uma narrativa sustentada pelas leis da Física, já que o título que o anuncia se refere "à velocidade mínima que um objeto sem propulsão precisa para se libertar de um campo gravitacional".


Como explica o TNSJ, "trata-se do segundo momento de uma reflexão que o coletivo Visões Úteis vem fazendo sobre o modo como lidamos com o lastro do nosso passado e desenhamos o futuro em que nos queremos projetar". Uma reflexão que teve origem, precisamente, com a "Teoria 5S", criação estreada em novembro de 2017 com o apoio do Teatro Municipal do Porto.

Nesta apresentação, o público é convidado a emergir "nesse futuro projetado, um espaço-tempo "ideal", mais sereno, económico e leve, limpo do desperdício da existência humana". Há também um convite ao reavivar de certas memórias e emoções que é exacerbado.


Na trama deste "maravilhoso mundo novo" existem três personagens que, no (re)conhecimento de diversas pistas, "descobrem que a sonhada leveza em que vivem é tão destruidora quanto o peso da humanidade que rejeitaram", informa-se ainda.


A estreia da peça está marcada para amanhã, às 21 horas, no Teatro Carlos Alberto, e mais duas sessões estão marcadas para sábado (19 horas) e domingo (16 horas).
A direção e o texto estão a cargo de Ana Vitorino, Carlos Costa e João Martins. 


+ Mais info aqui.