Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Últimos dias para saber quem foi António Sérgio e prestar o merecido tributo
04-12-2019
Termina já depois de amanhã, sexta-feira, a exposição biobibliográfica e videodocumental "Sérgio'19" que assinala no átrio dos Paços do Concelho os 50 anos da morte do pensador, escritor, pedagogo e "pai" do cooperativismo português.

De visita livre, entre as 9 e as 17 horas, a exposição reúne manuscritos, depoimentos áudio e vídeo de várias personalidades, algumas das quais conviveram com o homenageado, além de outros documentos e livros, constituindo um repositório documental de originais do arquivo pessoal de António Sérgio.

Organizada pela CASES - Cooperativa António Sérgio para a Economia Social com o apoio do Museu da Cidade, a exposição propõe um percurso através da vida, da obra e das ideias de António Sérgio (1883-1969), tendo como temas centrais os ligados ao Cooperativismo, à Educação e à Política.

Está organizada numa perspetiva cronológica e faz um convite aos visitantes para, através de manuscritos, edições, fotografias e outros documentos e registos do Arquivo António Sérgio, refletirem sobre a atualidade destes temas com a ajuda do "homem que pensou Portugal", mas percorreu mundo e foi um agitador social.

Perceba melhor como está estruturada a visita à exposição, recordando o momento da abertura e as palavras de Eduardo Graça, presidente da CASES, e de Rui Moreira, presidente da Câmara do Porto:


+info: Sérgio'19