Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Terminal Rodoviário do Campo 24 de Agosto agrada a 97,5% dos utentes
10-07-2017

O Terminal Rodoviário do Campo 24 de Agosto merece nota positiva de 97,5% dos utentes, revela um inquérito de satisfação ao cliente realizado em junho. A estrutura da multinacional francesa Transdev, em funcionamento há dois meses, permitiu aliviar o centro do Porto de parte significativa da circulação de autocarros de passageiros de médio e longo curso, apoiando a estratégia de mobilidade da autarquia.


Somando 79% de utentes "satisfeitos" e 18,5% "muito satisfeitos", chega-se quase ao consenso total sobre a boa qualidade global dos serviços prestados pela Transdev, conforme hoje foi salientado na apresentação do inquérito encomendado ao Instituto Português de Administração de Marketing (IPAM).


Em conferência de Imprensa com o presidente da Câmara do Porto, o CEO da Transdev Portugal, Pierre Jaffard, anunciou que comparativamente aos resultados obtidos no inquérito de satisfação ao cliente em 2016, referente aos serviços prestados no terminal da antiga Garagem Atlântico da empresa, passou-se de "uma apreciação global de 75% para 97,5%, o que comprava a pertinência da mudança" para "um espaço mais funcional, mais cómodo, moderno e agradável".


A performance revela-se noutros indicadores: em dois meses, 310 mil pessoas utilizaram o Terminal, por onde circulam diariamente cerca de 300 viaturas da frota da Transdev. A média de passageiros/dia é de 4.500, estimando-se que "a cada ano deverão passar mais de 1,5 milhões de pessoas" pelo Terminal, "número equivalente à população do Grande Porto".


Estes números remetem para a mobilidade, "um tema fundamental nas cidades", realçou Rui Moreira. Para o autarca, um investimento como "permite exatamente casar duas preocupações: o conforto e as necessidades do cliente e, ao mesmo tempo, condições mais sustentáveis. Porque cada um dos autocarros que para aqui deixou de parar no meio da rua. Deixou de causar um conjunto de constrangimentos. É isto que distingue as cidades que querem olhar para o futuro, para a mobilidade, a sustentabilidade".




Voltando ao inquérito do IPAM, que abarcou uma amostra de 372 utentes, é de realçar que "85% dos utilizadores do espaço reconhecem que este produziu um impacto positivo no seu dia-a-dia, sendo que 89,6% dos inquiridos classificam como Boa ou Muito Boa a facilidade de chegada e saída do Terminal", lê-se em comunicado de imprensa.


O sentimento de segurança foi o aspeto mais destacado (95,9% dos utentes), seguido pelas informações dos horários (83%). Limpeza da gare e das casas de banho, serviços complementares (lojas, bar, wi-fi), facilidade de entrada e saída de viaturas e aspeto geral da gare foram fatores aprovados por 90% dos inquiridos. "O único item" com nota negativa (48,7%) prende-se com o número de lugares disponíveis para sentar, mas "estão já em curso" melhorias neste âmbito.