Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Empresa alemã Devexperts escolhe o Porto para instalar novo centro de investigação
26-02-2018

A Devexperts, uma multinacional germânica que opera na área do software para empresas do setor financeiro, acaba de escolher a cidade do Porto para instalar um centro de investigação e desenvolvimento. Nos próximos dois anos, estima-se a criação de 80 postos de trabalho.


Uma semana após ter sido distinguido com o World Excellence Award para a cidade europeia mais amiga das startups, o Porto demonstra, uma vez mais, que continua no radar do investimento externo das grandes empresas internacionais. Desta feita, é a vez da alemã Devexperts que escolheu o Porto para expandir a sua atividade na Europa, informa o Jornal de Negócios, que avança mesmo que a escolha surge "em detrimento de dois concorrentes geograficamente mais próximos: República Checa e Hungria".

De acordo com a mesma fonte, pesou na decisão a "aproximação à academia", a formação de elevada qualidade e o fortalecimento do ecossistema empreendedor na cidade do Porto. O recrutamento já se iniciou, o espaço para a instalação da empresa também já está escolhido (edifício Península, na Boavista) e a mudança deverá acontecer depois do mês de abril.

Com sede em Munique e escritórios em São Petersburgo, a Devexperts deverá, numa primeira fase, contar com a vinda para o Porto de alguns especialistas que já trabalham na empresa, mas, como clarificou António Monteiro, responsável que intermediou a instalação da multinacional em solo nacional, "haverá contratações locais". Para o primeiro ano de atividade, estima-se criar 40 postos de trabalho e, no segundo ano, a pretensão é duplicar esse número.

A Devexperts é uma tecnológica que presta serviços e soluções para a negociação em mercado, designadamente opções. Segundo a empresa, são seis milhões de clientes só nos EUA a negociar diariamente através da sua plataforma. O centro de competências que virá para Porto será único no país, dado que se trata de um nicho de mercado altamente especializado.

Desde a constituição da Invest Porto, gabinete de atração de investimento criado por Rui Moreira, em 2015, a cidade entrou definitivamente no radar das empresas tecnológicas internacionais (e também nacionais). Euronext, Natixis, Vestas, Critical Software e Hostelworld são alguns desses exemplos.