Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Bairro do Aleixo já tem "luz verde"
26-01-2016

O presidente da Câmara do Porto anunciou hoje existirem agora "condições de regressar" ao processo do bairro do Aleixo, depois de recebido o parecer do Tribunal de Contas (TdC) sobre a aquisição de uns terrenos pelo município.


No período antes da ordem do dia da reunião de Câmara desta manhã, Rui Moreira avisou o Executivo de que a autarquia recebeu na sexta-feira o visto do TdC que aprova a compra de terrenos na Rua da Quinta por parte do município.


"Doravante estamos em condições de regressar ao Aleixo" com a construção de habitações sociais e o consequente realojamento dos 300 moradores das três torres que se encontram ainda por demolir, frisou.


No final da reunião, em declarações aos jornalistas, Rui Moreira afirmou ter sido pedida uma reunião ao conselho de administração que gere o fundo imobiliário criado para a operação Aleixo para que o processo possa avançar.


Em junho de 2015, a Câmara comunicou a entrada da Mota-Engil para o capital do fundo, com dois milhões de euros. A autarquia aguardava apenas que o TdC desse luz verde à compra de terrenos de cerca de dois milhões de euros para viabilizar o fundo criado para demolir o bairro do Aleixo.