Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

ScaleUp Porto. desafia empreendedores da cidade em convocatória aberta
31-01-2019
A Câmara do Porto volta a desafiar o ecossistema empreendedor e tecnológico da cidade com a Convocatória Aberta do ScaleUp Porto, pelo terceiro ano consecutivo. As candidaturas decorrem até 28 de fevereiro.

A Convocatória Aberta do ScaleUp Porto. está de regresso para apoiar iniciativas promovidas por entidades e organizações com sede ou delegação no concelho do Porto, que promovam a cultura empreendedora, a inovação, a expansão de redes e as fontes de conhecimento.

O investimento global para estas dinâmicas é de 70 000 euros e foi recentemente aprovado em reunião de Executivo por unanimidade. Cada atividade selecionada pela Convocatória deve ser concretizada até ao final de 2019, podendo receber até um máximo de 10 000 euros. O apoio financeiro pode não colmatar o valor total das necessidades do projeto submetido, mas funcionar como uma boa alavanca para a organização das iniciativas propostas.

Segundo os dados da edição de 2018, as oito iniciativas apoiadas envolveram mais de 5 600 pessoas, desdobrando-se em múltiplas atividades: quatro workshops, quatro conferências, duas competições, duas cerimónias de entrega de prémios, três manuais, um diretório de empresas, 13 meetups (encontros) e 17 vídeos de conteúdo.

Se analisadas as duas primeiras edições em conjunto, a Convocatória Aberta do ScaleUp Porto. congregou cerca de 7 000 pessoas, 16 projetos e mais de uma centena de candidaturas. Aliás, de 2017 para 2018 verificou-se um franco crescimento do número de pessoas envolvidas, demonstrando assim o forte impacto da iniciativa e a capacidade de envolvimento da cidade.

Os temas das atividades desenvolvidas focaram-se em tecnologia, vendas, propriedade intelectual, partilha de experiências, sensibilização para temas relacionados com inclusividade na comunidade tecnológica, entre outros.

Para esta terceira Convocatória Aberta, as candidaturas decorrem até 28 de fevereiro. Depois desta data, o júri decidirá quais os projetos selecionados, com base no impacto que as propostas terão no ecossistema.