Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Rui Pedro Silva e Catarina Ribeiro vencem S. Silvestre
18-12-2016
Rui Pedro Silva garantiu este domingo o sétimo triunfo da sua carreira na São Silvestre do Porto, o primeiro com a camisola do Sporting Club de Portugal, depois de no ano passado ter interrompido uma sequência de seis vitórias consecutivas, sendo batido pelo agora colega de equipa, Rui Teixeira, que este ano ficou fora do pódio.

Completando os 10 km do percurso em 30m21s, Rui Pedro Silva carimbou, assim, o seu sétimo triunfo em 23 edições da mais concorrida S. Silvestre nacional, curiosamente, numa edição em que o fundista do Sporting até esteve para não participar, devido a uma lesão contraída há apenas algumas semanas.

Segundo a cortar a linha de meta na Avenida dos Aliados, Hélder Santos confirmou a dobradinha para o Sporting na corrida masculina, enquanto Miguel Ribeiro, em representação do Olímpico Vianense, fechou o pódio desta edição, que juntou mais de 11 mil participantes na prova principal.


CATARINA RIBEIRO VENCE NA PROVA FEMININA

Bastante mais emotiva e disputada foi a corrida feminina, já que Catarina Ribeiro, recente 2.ª classificada na Maratona do Porto, teve que sprintar na reta final para a bater a polaca Karolina Nadolska, num duelo que haveria de ficar decidido por apenas 2 segundos, em favor da atleta portuguesa, que cumpriu os 10 km com o tempo total de 33m13s.

O terceiro lugar e último do pódio ficou para Carla Salomé, que há oito dias tinha representando Portugal no Europeu de Cross, juntamente com Inês Monteiro, quarta classificada nesta 23.ª edição da S. Silvestre do Porto, que hoje reuniu cerca de 16 mil participantes, divididos pelos 10 km da corrida principal e os 5 km da caminhada.

O tiro de arranque foi dado às 20 horas e decorreram exatamente 8m51s até que o último concorrente passasse a partida. O atleta mais velho em prova, Pacheco Lopes, tinha 82 anos, enquanto a mulher mais velha a competir, Isabel Almeida, conta 66 anos.

Uma das novidades deste ano foi a entrega aos participantes de uma medalha interativa que, através de uma aplicação, permite que o corredor guarde as características da sua prova como o tempo final.


CLASSIFICAÇÕES
 
Masculinos:

1º. Rui Pedro Silva (Sporting), 30m21s
2º. Hélder Santos (Sporting), 30m31s
3º. Miguel Ribeiro (Olímpico Vianense), 30m32s
4º. Daniel Gregório (Centro de Atletismo de Seia), 30m36s
5º. Nuno Lopes (Centro de Atletismo de Seia), 31m15s
 
Femininos:

1º. Catarina Ribeiro (Individual), 33m13s
2º. Karolina Nadolska (Individual), 33m15s
3º. Salomé Rocha (Individual), 34m08s
4º. Inês Monteiro (Centro de Atletismo de Seia), 34m22s
5º. Susana Godinho (Sporting), 34m28s