Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Rui Moreira volta a lembrar a CDU que o PCP não defendeu qualquer linha de Metro no Porto até 2021
09-05-2017

CDU levantou ontem, mais uma vez, o traçado da linha do Metro, mas Rui Moreira lembrou aos comunistas o documento em que defendiam linhas para outros concelhos, deixando o Porto de fora. O presidente da Câmara, que falava à Assembleia Municipal, voltou a lembrar que todo o dinheiro disponível nesta fase para a expansão do Metro no Porto e em Lisboa não chegaria para a linha ocidental, que o PCP não defendeu na Assembleia da República, mas agora reivindica.


Moreira lembrou, assim, mais uma vez, que os dois partidos que agora criticam o avanço das obras no Porto, aprovaram em julho de 2016 na Assembleia da República, uma proposta dos comunistas para a extensão da rede de Metro que excluía o Porto (leia o documento).  A Resolução n.º 167/XIII-1ª foj apresentada pelo PCP e teve os votos favoráveis do PSD e da CDU, além dos outros partidos com lugar na Assembleia da República.


A linha que será construída liga a Casa da Música a São Bento, passando pela Praça da Galiza, onde serve o Pólo 3 da Universidade do Porto, e pelo Hospital da São João, servindo também o Palácio de Cristal.