Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Porto na vanguarda da inovação
18-03-2016

Rui Moreira discursou na conferência de lançamento da segunda edição do Prémio Inovação NOS. O autarca portuense encerrou a sessão e destacou projetos inovadores do Município, como o Desafios Porto. e o ScaleUp.


A apresentação desta segunda edição dos Prémios de Inovação NOS decorreu durante uma conferência que teve como tema a "Inovação: O Futuro da Indústria", com foco nos desafios da Indústria 4.0, a digitalização e o papel da inovação tecnológica no desenvolvimento da economia. Entre outros, a iniciativa contou com as intervenções de Rui Moreira, presidente da Câmara do Porto, Filipe Araújo, vereador do Pelouro da Inovação e Ambiente da autarquia, Manuel Caldeira Cabral, ministro da Economia, Proença de Carvalho, presidente do Conselho de Administração da Global Media Group, e Miguel Almeida, presidente da Comissão Executiva da NOS.


O autarca portuense falou sobre dois dos mais emblemáticos programas de inovação desenvolvidos pelo Muncípio, o ScaleUp e os Desafios Porto., salientando que a inovação "tem um papel muito importante". "Só trabalhando dentro de um espirito inovador é que seremos capazes de procurar soluções transformadoras e capazes de gerar valor", disse. Rui Moreira apresentou o Porto como "uma cidade empreendedora por excelência", com mais de uma centena de centros de investigação públicos e privados em diversas áreas.


O Mosteiro de S. Bento da Vitória foi o palco escolhido para a apresentação da iniciativa, que visa premiar as boas ideias, soluções inovadoras e de reconhecido potencial, quer sejam novos modelos de negócio ou projetos de inovação nas empresas e instituições nacionais. Com a assinatura "Grandes ideias merecem mais", este projeto pretende distinguir 30 empresas ou instituições, com valor e contributo reconhecido para o crescimento da economia portuguesa e incentivo à dinamização do mercado, através da aposta na inovação.


Este ano, o projeto apresenta novidades como a realização de vários colóquios, em diferentes pontos do país, com o objetivo de mostrar setores de atividade estratégicos para o tecido empresarial e economia nacional, como, por exemplo, saúde, turismo, indústria e transformação digital, nos quais a inovação tem desempenhado um papel relevante.

 

As candidaturas ao Prémio Inovação NOS podem ser submetidas online até 31 de julho.