Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Rui Moreira garante que será encontrada solução para reabilitar o Coliseu
16-11-2017
"O Coliseu é a prova de que o Porto tem uma cidadania viva e vamos ter de encontrar uma solução tripartida para reabilitar a sala", advertiu ontem o presidente da câmara, na inauguração da exposição comemorativa dos 75 anos do emblemático edifício, patente no átrio dos Paços do Concelho.

Rui Moreira, que reafirmou ser aquele "um equipamento primordial da cidade" mas com "vocação metropolitana", lembrou o recente regresso da ópera ao Coliseu para evidenciar a sua vitalidade renascida, sublinhando a necessidade de reabilitar a sala de espetáculos. "Não vamos deixar cair o projeto, mas esperamos que também o Estado assuma o seu papel", pois "não se pode pensar que a Cultura do Estado é só a Cultura em Lisboa".

O presidente da câmara defende uma solução tripartida para o financiamento - Associação dos Amigos do Coliseu, Município e Estado central - e aponta que "temos de ser exigentes", garantindo que "vamos encontrar formas de financiar as obras, tal como conseguimos as do Batalha que já estão em curso". Mas mostrou-se convencido de que "não vamos ter de nos amarrar novamente ao Coliseu para as fazer", recordando o episódio do acorrentamento de Pedro Abrunhosa aos portões do edifício quando este esteve em risco de fechar, a 4 de agosto de 1995.


Falando ainda da crescente e variada atividade do Coliseu Porto, Rui Moreira elogiou o dinamismo e criatividade da direção de Eduardo Paz Barroso, para quem pediu mesmo uma forte ovação aos numerosos visitantes e individualidades que participavam na inauguração da exposição, sublinhando que aquela é "uma sala de espetáculos virada para o futuro".

Essa orientação foi igualmente evidenciada por Paz Barroso, que falou na rede de iniciativas protagonizadas pelo Coliseu, "que o abrem sobre a cidade e a públicos plurais". Uma delas é esta exposição na Câmara, com que "trazemos o Coliseu para fora do Coliseu" e "contamos uma história de 75 anos de múltiplos percursos que são também o espelho da cidade".

Tendo em conta que a mostra "O Coliseu e a Cidade: 75 Anos de Histórias" resulta de uma estreita parceria com a autarquia, o presidente da direção do Coliseu fez questão de elogiar a Divisão Municipal de Arquivo Histórico e de apontar "a competência, o rigor técnico e o trabalho em equipa" evidenciado pelos técnicos para frisar, novamente, que a exposição e o próprio Coliseu constituem "um projeto dos portuenses".