Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Polícia Municipal já tem novas motos e poderá mudar de instalações
21-03-2019
A Polícia Municipal do Porto (PM) viu hoje reforçada a sua frota de veículos com a entrega formal de 17 motas com diferentes cilindradas pela Câmara do Porto. A sessão foi presidida por Rui Moreira que anunciou também estar a equacionar novas instalações para o corpo de segurança, atualmente com sede na zona da Pasteleira.

"Faz parte do investimento que temos vindo a fazer na Polícia Municipal, principalmente na capacitação dos recursos humanos, que são sempre a parte mais importante da Polícia, que necessita estar bem equipada, não só para o serviço que precisa fazer, mas também por questões de segurança", referiu o presidente da Câmara do Porto.

O investimento na frota de duas rodas é de cerca de 150 mil euros e eleva para 30 o número de motociclos ao serviço da PM, essencialmente direcionados para a fiscalização do trânsito e garantia da mobilidade na cidade. Todos os capacetes foram fabricados à medida e por uma empresa portuguesa, tendo sido escolhidos materiais de ponta no setor.

Rui Moreira reiterou a importância dada pelo seu Executivo à segurança e equipamentos dos recursos humanos que trabalham em áreas como a PM, os bombeiros ou proteção civil e adiantou que estão a ser também desenvolvidos esforços para encontrar "instalações mais apropriadas à Polícia, que a sirvam melhor e aos cidadãos que recorrem à PM para os mais variados serviços", referindo a possibilidade de ser adaptada para esse efeito uma antiga escola que está desativada.

O Comandante da Polícia Municipal do Porto, Intendente Leitão da Silva, explicou ao "Porto." que o enfoque da frota de motociclos é o trânsito e a mobilidade, pelo que é necessário "ter meios ágeis para garantir uma resposta mais rápida e nesse aspeto as ciclopatrulhas e as motas são um instrumento indispensável a qualquer Polícia".

A sessão decorreu nesta quinta-feira, nos Jardins do Palácio de Cristal, e contou com a participação da vereadora dos Transportes, da Fiscalização e Proteção Civil, Cristina Pimentel, e do Comandante da PSP do Porto, Superintendente-chefe Paulo Lucas.