Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Revelado o programa da Porto Design Biennale 2019
17-07-2019

A primeira edição da Porto Design Biennale 2019 propõe um programa para pensar o design do novo milénio. Inclui exposições, workshops, performances, instalações e conversas. Fique a conhecê-lo.


Pensar o novo milénio e o lugar do design num quadro de mudança é aquilo a que se propõe a PDB, que decorre em vários espaços das cidades do Porto e Matosinhos, de 19 de setembro a 8 de dezembro de 2019, sob o tema "Post Millenium Tension".

Promovida pela Câmara do Porto e pela Câmara de Matosinhos e organizada pela esad-idea, Investigação em Design e Arte, a iniciativa assume como missão a promoção, dinamização e internacionalização do pensamento e da prática em design.

Com curadoria-geral de José Bártolo, a primeira edição da Porto Design Biennale 2019 procura mapear os projetos e processos de trabalho dos millennial, a geração que chega ao mercado profissional num quadro geral de mudança acelerada e grandes tensões a nível global - identitárias, geopolíticas, financeiras, ambientais, tecnológicas, entre outras.

Através de uma série de exposições, conferências e workshops, esta edição da PDB explora várias vertentes das ligações entre o design, a indústria, o ensino e a sociedade, promovendo, ao mesmo tempo, uma reflexão crítica acerca do design enquanto disciplina. Assim, serão apresentadas propostas tão diferentes como a de explorar as ligações entre o design e a indústria portuguesa e a de revisitar cartazes de protesto em manifestações do arquivo Ephemera.

Estabelece-se uma plataforma de investigação e promovem-se workshops e debates, ao mesmo tempo que se apresenta um conjunto de projetos de escolas de design nacionais e se integra na programação um conjunto de projetos satélites de intervenientes muito diversos, 10 dos quais selecionados através de um Open Call for Projects.

A presença de Itália enquanto país convidado procura interligar projeto, cultura e território, visto como um tecido geográfico, material, social e humano, refletindo sobre a cultura de design e a sua capacidade para acompanhar as mudanças aceleradas e as tensões impostas pela contemporaneidade.

Confrontando-se com as Tensões do Novo Milénio, a primeira edição da Porto Design Biennale procura ainda analisar a atual configuração disciplinar do design, apresentando um programa que propõe uma ampla reflexão sobre as transformações emergentes que marcam o novo milénio e o lugar do design perante este quadro de mudança. A reflexão considera, por um lado, a perspetiva histórica e as relações de tensão, afastamento e proximidade entre o design contemporâneo e o modelo do projeto.

O programa está disponível em portodesignbiennale.pt.