Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Queima das Fitas começa com Serenata na Cordoaria
02-05-2018
A Monumental Serenata e a Missa de Bênção das Pastas da Queima das Fitas do Porto, com início ao primeiro minuto de 6 de maio, domingo, vão realizar-se este ano no Largo Amor de Perdição, junto à antiga Cadeia da Relação, na Cordoaria.  

Inicialmente previstos para os Aliados, os dois momentos foram transferidos de local considerando a possibilidade de o centro da Baixa "se tornar num espaço de celebração dos possíveis resultados dos jogos de futebol do próximo fim-de-semana", salienta em comunicado a Federação Académica do Porto (FAP). Com a decisão - coordenada com a Câmara do Porto e demais entidades envolvidas - pretende-se "assegurar a tranquilidade e solenidade que as atividades académicas merecem".

Também os transportes gratuitos disponibilizados pela FAP na noite da Monumental Serenata irão sofrer alterações. Conforme é divulgado, "os autocarros-vaivém para transportar os estudantes da Academia do Porto entre o Queimódromo e a cidade do Porto terão, excecionalmente nessa noite, a paragem na Reitoria e no Hospital de S. João".

A 40.ª Queima das Fitas do Porto começa no dia 6, com a Monumental Serenata, e decorre até 12 de maio. Pelo palco do Queimódromo, no Parque da Cidade, vão passar artistas como Seu Jorge, Diogo Piçarra, Capitão Fausto e Matias Damásio. Como já é tradição, Quim Barreiros e os Xutos e Pontapés também não vão faltar ao evento da maior academia do país.

Refira-se que a Queima das Fitas do Porto enverga este ano o Sê-lo Verde, uma iniciativa do Ministério do Ambiente e do Fundo Ambiental que reconhece a adoção de boas práticas ambientais nos grandes eventos. Com este selo, que resulta do trabalho comum entre FAP e Câmara, a Queima do Porto é a mais sustentável do país.