Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Projeto europeu estuda adaptação das instituições às pessoas com deficiência
10-10-2018
O Instituto Superior de Serviço Social do Porto (ISSSP) é a instituição acolhedora do terceiro encontro internacional entre os parceiros da iniciativa "Erasmus+ - a comparative look on well-treatment of people in european's specialized institutions", que tem como objetivo melhorar a intervenção das instituições que trabalham com a deficiência .

Nesse âmbito, a comitiva constituída por docentes universitários das faculdades e escolas parceiras a nível internacional, bem como profissionais e utilizadores dos serviços de apoio à deficiência das entidades que integram este projeto foram recebidos nos Paços do Concelho, esta manhã, pelo presidente da Câmara do Porto, acompanhado pelo vereador da Habitação e Coesão Social e da Educação, Fernando Paulo.

Rui Moreira destacou o papel das instituições de ensino superior na cidade e a política municipal desenvolvida em prol de "uma cidade confortável e interessante", acima de tudo, "viável para todos".

"Quando pensamos em interessante e confortável, que são os conceitos que desenvolvemos, para algumas pessoas o mais importante é que tudo o que oferecemos seja acessível a todos", sublinhou o edil.

Durante a sessão, Raquel Castello-Branco, diretora do departamento municipal de Coesão Social, materializou a ação direta e indireta (através do apoio a instituições que trabalham na área da deficiência) da Câmara do Porto nesta matéria.
Entre elas, referiu, por exemplo, "o ajuste do planeamento urbano para que a cidade possa ser mais acessível a todos. Nesse sentido, foram efetuados vários trabalhos, tais como "alteração de passeios, remoção de mobiliário urbano e barreiras arquitetónicas, aumento do número de rampas para cadeiras de rodas, entre outras".

O ISSSP tem vindo a desenvolver, desde 2016, uma parceria estratégica no estudo "A comparative look on well-treatment of people in European's specialized institutions", no âmbito do Erasmus+, que prevê a organização de encontros internacionais nas cidades de proveniência das instituições parceiras.

Este encontro, que decorre desde o dia 7 e prolonga-se até sexta-feira, dia 12, está subordinado ao tema "O bom trato - Famílias e Comunidade". Tem como grandes objetivos qualificar os profissionais que trabalham na área da deficiência, adaptar os currículos académicos para que os estudantes possam adquirir mais conhecimentos e competências e formar uma rede informal, composta pela academia e instituições com respostas na área da deficiência, para disseminação de boas práticas.

Participou, ainda desta receção oficial, o diretor do Instituto Superior de Serviço Social do Porto, José Alberto Reis, a coordenadora do projeto naquela instituição de ensino, Berta Granja, e deram testemunho das suas vivências internacionais vários responsáveis que integram a comitiva.