Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Programas municipais nas escolas levam centenas de crianças ao Coliseu
10-06-2017

Entusiasmadas e divertidas, centenas de crianças das escolas de 1.º ciclo e dos jardins-de-infância da rede pública do Porto protagonizam o espetáculo de encerramento dos programas municipais Porto de Crianças e Porto de Atividades.


A magia do cinema, a criatividade do teatro, o encanto da música e o ritmo da dança têm reinado no Coliseu Porto e agarrado sorrisos e palmas de uma plateia recheada de familiares e educadores naquele que é o culminar do ano letivo.



O evento, com sessões de quinta-feira até hoje, permitiu a apresentação de um conjunto de performances preparadas ao longo do ano letivo, relacionadas com o tema Música.


A festa, uma mostra das atividades de enriquecimento e de coadjuvação curricular realizadas ao longo do ano, é vista como "um momento importante para as crianças e para o próprio Município, que no fundo consegue perceber aquela que é a sua aposta nas crianças, na educação e, simultaneamente, numa pluralidade de atividades que estão para além daquilo que é a parte curricular. As crianças da cidade ganham, ganha o Município e ganha o Porto", reconhece Guilhermina Rego, vice-presidente da autarquia e responsável pela área da Educação.

    

O programa educativo "Porto de Crianças" reforça áreas curriculares como a educação artística, científica e formação para a cidadania, por recurso a estratégias pedagógicas diferenciadas, abrangendo, anualmente, um total de seis mil crianças. O "Porto de Atividades" chega a cerca de cinco mil, implementando iniciativas enriquecedoras e complementares associadas à aquisição de competências básicas.

 

Como forma de apoiar e promover a causa humanitária da Operação Nariz Vermelho, que realiza um programa de intervenção nos serviços pediátricos dos hospitais portugueses, a Câmara oferece às crianças "narizes vermelhos".