Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Cheias prevista para madrugada
12-02-2016

As zonas mais baixas da Ribeira e de Miragaia poderão ficar, de novo, submersas esta madrugada, devido à forte precipitação, à maré alta e às descargas das barragens do Douro. No limite, espera-se que, pelas seis da manhã, as águas possas subir um pouco acima do que aconteceu há cerca de um mês.


A Proteção Civil Municipal encontra-se a acompanhar a situação com um dispositivo semelhante ao que colocou no terreno a 11 de janeiro deste ano.


Segundo informações do Instituto Português do Mar e da Atmosfera a precipitação persistente apenas deverá diminuir de intensidade a partir de domingo.


Todos os moradores e donos de estabelecimentos comerciais da zona da Ribeira e Miragaia estão a ser avisados e ajudados individualmente a tomar precauções. A Câmara do Porto tem meios no terreno que lhe permitem transportar e guardar os bens dos moradores em lugar seguro, estacionamento para as viaturas e em Miragaia haverá um bote que permita a mobilidade. Polícia Marítima, Polícia Municipal, PSP, Sapadores de Bombeiros e Capitania, além de outras entidades, acompanham a situação com grande serenidade.


Por volta das zero horas será feita uma nova avaliação da situação pelo Centro de Previsão e Prevenção de Cheias, no Porto.


O Porto está hoje sob alerta laranja, o segundo mais grave de uma escala de quatro. A ondulação marítima também será forte, sendo que os cálculos das autoridades apontam para ondulação de noroeste com cinco a sete metros, "podendo atingir 10 a 12 metros de altura máxima".


Veja as imagens das últimas cheias