Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Porto vive neste domingo a festa de uma das melhores maratonas do mundo
03-11-2018

A cidade pára neste domingo para ver 16 mil atletas correrem uma das melhores provas do circuito mundial de maratonas. Logo pela manhã, a corrida transforma-se em espetáculo para ver em toda a Frente Atlântica. Câmara Municipal, Metro, STCP e CP, em articulação com a Polícia, não ignoraram a EDP Maratona do Porto e prepararam condições em termos de circulação, sinalização, transporte e estacionamento para que todos possam assistir e entrar na festa com o mínimo transtorno e o maior dos prazeres.


A prova portuense volta na manhã deste domingo com recorde de inscritos e de atletas estrangeiros. No ano em que exibe pela primeira vez o grau bronze atribuído pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF), distinção que a coloca entre as melhores provas do circuito mundial, a EDP Maratona do Porto prepara-se para alcançar mais um recorde: pela primeira vez, são ultrapassados os 16 mil participantes no conjunto das três vertentes da corrida.


A 15.ª edição da prova confirma, assim, o estatuto de maior maratona de Portugal, quer em número de participantes quer em número de atletas estrangeiros, já que praticamente 30 por cento dos inscritos são atletas internacionais, em representação de 71 nacionalidades.


Entre os países estrangeiros com maior representação na EDP Maratona do Porto destaca-se a França com 970 atletas inscritos, seguindo-se a Espanha (535), a Itália (221), o Brasil (213) e a Alemanha (158). Destaque ainda para as representações do Reino Unido (146), Bélgica (147), Holanda (103) e Polónia (100).


É de realçar que a lista de presenças nesta maratona inclui o vencedor da edição anterior, o queniano Jackson Kibet Limo, e ainda o seu compatriota Richard Limo e o etíope Abraham Girma. José Moreira, Carlos Costa, Mihail Lalev e Paulo Gomes são os principais nomes portugueses entre os atletas masculinos.


No setor feminino, o favoritismo recai em Mesekerem Abera Hunde, Alemu Megertu e Abeba-Tekulu Gebremeskel, todas da Etiópia. A nível nacional, há grandes esperanças em Filomena Costa, Carla Machado e Rosa Madureira.


Conheça o percurso da prova e os cuidados a ter em termos de trânsito e transporte


A partida da prova está marcada para as 9 horas, junto ao Sea Life Porto, na zona do Castelo do Queijo. Os atletas subirão parte da Avenida da Boavista para contornar o Parque da Cidade, entrar em Matosinhos e circular por algumas das ruas centrais, voltando então para junto do mar e fazendo o trajeto junto ao "Calçadão" até à Praça da Cidade do Salvador (Anémona). Os passos seguintes levam-nos pela Foz, Marginal até à Ponte Luís I que atravessam pelo tabuleiro inferior, Ribeira de Gaia, Afurada, retorno à Ribeira do Porto, Marginal quase até à Ponte do Freixo, regresso pela Marginal até à Foz, Praça de Gonçalves Zarco (Castelo do Queijo) e Queimódromo, onde a prova vai terminando durante a tarde.


Confira o percurso da prova principal no vídeo abaixo e planeie os melhores locais para ver, tendo em conta também as alternativas de transporte e de estacionamento que foram preparados.


Convém saber, por exemplo, que estarão a funcionar duas infraestruturas de P&R - Park & Ride nos parques de estacionamento da Casa da Música e do Campo Alegre, onde se pode deixar o automóvel próprio por um custo de apenas 0,95€/12h, das 8 às 20 horas mediante validação do Andante.


Pode então tomar o Metro ou avaliar as opções dos autocarros da STCP tendo em conta que algumas linhas sofrem alterações neste dia.


Saiba também que, para quem viaja de comboio para ver a Maratona do Porto, a CP está praticar alguns descontos.


Em qualquer caso, se o seu trajeto inclui deslocação em automóvel particular, tenha em conta que a realização de uma prova desta dimensão implica inevitavelmente alguns condicionamentos de trânsito, por forma a que tudo corra da melhor maneira e com segurança.


A organização da EDP Maratona do Porto espera que, pela primeira vez em Portugal, cinco mil participantes terminem uma maratona. E outro valor sobressai neste ano: estima-se que o evento possa gerar cerca de 12 milhões de euros de retorno direto para a economia local.



Além de ser a única prova homologada em Portugal para a obtenção de mínimos que permitem o acesso a campeonatos europeus, mundiais e jogos olímpicos, a Maratona do Porto integra neste ano o Campeonato Nacional de Maratona, numa parceria com a Federação Portuguesa de Atletismo.


A par da corrida principal, na clássica distância de 42.195 metros, a EDP Maratona do Porto compreende mais duas provas: a APO Family Race Corrida dos Ossos Saudáveis, com 15 km de extensão e uma vertente solidária a favor da Associação Portuguesa de Osteoporose; e a Fun Race, uma caminhada com a distância de 6 km destinada a todas as classes etárias e sem fins competitivos.


Confira os vídeos desses dois percursos no site oficial da prova: www.maratonadoporto.com.