Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Porto revela ao Brasil a "fórmula" para gerir, reabilitar e valorizar o Património Mundial
21-11-2019
A reabilitação urbana do Centro Histórico do Porto / Património Cultural da Humanidade é um dos casos exemplares de gestão e valorização do património que estão a ser explicados à delegação brasileira de responsáveis por 26 sítios igualmente classificados, de visita à cidade durante uma semana.

Esta visita acontece ao abrigo de um acordo bilateral de cooperação entre os dois países e tem por objetivo o intercâmbio de conhecimentos e experiências na área do Património Cultural, com especial enfoque na gestão, conservação, reabilitação, valorização, mediação e turismo-cultural, promovendo o diálogo informal e próximo entre decisores, gestores e profissionais de modo a facilitar a troca de ideias e experiências.

Composta por membros da área de gestão cultural do IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, do Ministério da Cidadania do Brasil), que desenvolvem trabalho nos 14 sítios brasileiros inscritos na Lista do Património Mundial da Unesco e nos 3 sítios inscritos na Lista do Património Cultural Mercosul, a delegação tem estado a fazer incursões no Centro Histórico da cidade e reuniões técnicas com a equipa gestora do Património Mundial, concretizando assim uma "missão de benchmarking".

O programa, promovido pela Câmara do Porto em colaboração com a DRCN (Direção Regional de Cultura do Norte), contemplou também já uma receção pelo vereador do Urbanismo, Espaço Público e Património, Pedro Baganha, que reuniu com os profissionais brasileiros nos Paços do Concelho e fez uma breve apresentação da cidade, do seu Centro Histórico e da reabilitação urbana que tem vindo a ser concretizada no Porto.