Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Porto recebe conferência sobre alterações climáticas e poluição dos oceanos
06-11-2018

A "Voice for the Ocean Tour" chega ao Porto nos dias 9 e 10 de novembro, para levantar a discussão em torno das alterações climáticas e da poluição dos oceanos que afetam a costa portuguesa. 


Ao longo dos dois dias do evento, promovido pela Surfrider Foundation Europe (organização mundial sem fins lucrativos dedicada à proteção e valorização de lagos, rios, oceanos, ondas e do litoral), estarão presentes várias personalidades e decisores políticos, como Ricardo Serrão Santos, deputado europeu, Loreley Picourt, da plataforma Ocean & Climate, e ainda Tiago Pires "Saca", como orador do painel "Surf e Turismo Sustentável".


Depois de Burgas (Bulgária), Paris, Bruxelas e Málaga, a cidade do Porto será o último destino do "Voice for the Ocean Tour". No programa incluem-se a promoção de ações cívicas, vários debates e uma conferência, tudo isto num local privilegiado da cidade, com o oceano como plano de fundo (no Forte de São João Baptista, na Foz).


Com o aumento da temperatura do oceano, como consequência das alterações climáticas, estima-se que as ondas se tornem cada vez mais pequenas em quase 40% do planeta, o que também ameaça a prática de desportos aquáticos e atividades turísticas. Para enfrentar este desafio comum, este fórum, que conta com o apoio da Comissão Europeia, quer também envolver os cidadãos e conhecer as suas opiniões sobre as ações prioritárias a serem implementadas.


Nessa medida, foi lançado um questionário à opinião pública, denominado "Voice for the Ocean", aberto à participação até dia 14 de dezembro. Contém perguntas relacionadas com o oceano identificadas como prioritárias para a agenda política dos futuros deputados europeus, a ser eleitos nas próximas eleições de 2019. No final desta consulta pública, serão apresentadas propostas concretas relativas a esta problemática, sendo que o objetivo é que os futuros eleitos se comprometam a integrá-las nos seus programas.


A Surfrider Foundation Europe é uma organização ambiental sem fins lucrativos, criada em 1990, em Biarritz (França). Durante a sua existência, adquiriu experiência nas áreas de investigação e ação local, bem como na criação e distribuição de ferramentas educativas. Atualmente, é uma rede de 700 voluntários, 10.500 membros e 120.000 apoiantes em nove países europeus.