Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Porto, Gaia e Matosinhos já dançam (quase) sem parar
27-04-2018

O Festival DDD - Dias da Dança tomou conta dos três municípios da Frente Atlântica. Até 13 de maio, há espetáculos, performances de rua, workshops e festas, a demonstrar que o festival já se ultrapassou a si próprio.


Depois da etapa inicial de atração de artistas, programadores e espectadores, o DDD chega à terceira edição como uma referência incontornável no calendário de programação e difusão de dança a nível internacional.


Coreógrafos a dar os primeiros passos profissionais cruzam-se aqui com os consagrados; programadores de todo o mundo vêm cá descobrir novidades; artistas de todas as latitudes misturam-se; e todos contribuem para dar uma panorâmica alargada da dança contemporânea a públicos que se tornam cada vez mais heterogéneos, mas também exigentes.


A programação destas três semanas vai percorrer equipamentos e espaços públicos dos três concelhos e a frase feita é também a mais adequada: o difícil é escolher.


Hoje mesmo, Marco da Silva Ferreira leva o seu "Brother" ao Auditório Municipal de Gaia e Olga Roriz sublima a paixão por Igmar Bergman através de "A meio da noite", no Teatro Nacional São João (também no sábado e no domingo). E, a partir das 23 horas, todos os caminhos vão dar ao Café Rivoli, onde José Reis vai "incendiar" a pista de dança com o seu dj set.


Muito mais festas, novidades, estreias, debates, workshops e propostas únicas do universo da dança vão tornar intensos os dias que se seguem, tendo o Rivoli como epicentro mas estendendo-se a outros equipamentos e espaços públicos do Porto, Gaia e Matosinhos.


Veja aqui tudo o que pode aproveitar nestes Dias da Dança, tendo presente que há entradas gratuitas e bilhetes com preços entre os 5 e os 16 euros, além de passes a 20 euros (para cinco espetáculos) e a 30 euros (para sete espetáculos).