Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Porto e Guimarães recebem o Fórum do Ambiente do Eurocities em 2020
25-10-2019
A próxima reunião anual do Fórum do Ambiente do Eurocities, que está marcada para 18, 19 e 20 de março de 2020, vai decorrer no Porto e em Guimarães, cidades que assinaram hoje em Oslo o compromisso de redução da utilização de plástico de uso único.

O anúncio foi feito no Fórum que hoje terminou na capital norueguesa, logo após as duas cidades garantirem a organização do evento no próximo ano, num formato inédito que assenta na parceria entre os dois municípios.

O Fórum do Ambiente tem-se debruçado sobre importantes tópicos nas áreas dos espaços verdes e biodiversidade, energia, alterações climáticas, transição energética, água, gestão de resíduos e ruído, sendo a plataforma de desenvolvimento de políticas públicas entre diversas cidades da Europa nesta matéria.

A conferência do próximo ano terá o foco no tema das "cidades inspiradas pela natureza", sendo a oportunidade ideal para evidenciar junto dos parceiros europeus o trabalho que o Porto, tal como Guimarães, tem vindo a desenvolver com grande empenho nestas matérias.

Para Filipe Araújo, vice-presidente da Câmara do Porto com o pelouro da Inovação e Ambiente, que é também o presidente do Fórum do Ambiente do Eurocities, a escolha desta candidatura "é um reconhecimento do trabalho que o Porto tem vindo a fazer na área do ambiente", onde "os compromissos com a descarbonização, os investimentos municipais e as políticas desenvolvidas evidenciam liderança neste tópico e pretendem inspirar outras cidades europeias".

O autarca destaca ainda "a oportunidade de colaboração de duas cidades muito próximas, o que também representa bem o espírito da rede Eurocities".

Por sua vez, também Sofia Ferreira, vereadora do Ambiente e Turismo da Câmara de Guimarães, considera que "a realização deste fórum no Porto e em Guimarães demonstra o compromisso das cidades relativamente aos desafios do futuro relacionados com a pressão que se está a exercer sobre os ecossistemas".

Além de presidir atualmente ao Fórum do Ambiente, o Porto é membro da rede Eurocities desde 1990 e acolheu a Assembleia Geral Anual em 2003, a reunião do Grupo de Trabalho de Assuntos Sociais no final de 2014 e a reunião do Fórum do Ambiente em 2015. Precisamente nesse ano, Guimarães juntou-se à rede e tem também desenvolvido desde então um trabalho ativo no âmbito do Fórum do Ambiente.

A rede de cidades Eurocities foi fundada em 1986 por Barcelona, Birmingham, Frankfurt, Lyon, Milão e Roterdão, tendo por missão promover o intercâmbio das melhores práticas e representar os interesses das grandes cidades junto das instituições comunitárias, levando à inclusão das exigências urbanas nas políticas europeias. Integra atualmente 140 cidades-membros e 45 cidades-parceiras, abrangendo por isso uma população de 130 milhões de cidadãos de 39 países.