Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Porto e Gaia sem F1 de motonáutica
07-04-2016

Depois de em 2015 ter recebido pela primeira vez o Campeonato do Mundo de F1 em motonáutica,  as margens do Douro entre Porto e Gaia não vão este ano voltar a assistir à prova. Apesar de sucesso do ano passado, a Porto Lazer, empresa municipal do Porto que tem feito todos os contactos com a F1H2O, que organiza a competição, concluiu que não havia condições para repetir o evento.


Em 2015, o Grande Prémio foi suportado pelas autarquias das duas cidades, que então identificaram a necessidade de encontrar um caminho de sustentabilidade para a competição, cujos custos ascenderam a mais de 450 mil euros. Foi então iniciada a procura de um patrocinador, tendo chegado a haver acordo com uma empresa estrangeira que garantiria suporte para a quase totalidade das despesas.


Contudo, na fase final das negociações, Porto Lazer, F1H2O e patrocinador não conseguiram um entendimento que permitisse assinar os contratos e viabilizar a prova, sem custos significativos para as duas autarquias.