Este website usa cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Aceitar
o portal de notícias do Porto.

Destaques

Porto cidade e Porto clube fazem declarações de amor mútuo a pretexto de Luanda
23-08-2019

Os presidentes da Câmara do Porto, Rui Moreira, e do Futebol Clube do Porto, Pinto da Costa, fizeram hoje declarações de profunda amizade institucional e pessoal, durante a inauguração de uma mostra cultural da Casa do FC Porto de Luanda, no Porto.


Sob o nome "A Casa de Luanda no Porto", a iniciativa abriu na Sala Multiusos do Museu FC Porto um programa que vai prolongar-se por semanas com conferências e outros eventos de acesso livre.

Na sessão, em que participaram também o embaixador de Angola, Carlos Alberto Fonseca, e o presidente da Casa do FC Porto em Luanda, Agostinho Rocha, as relações entre a cidade e as suas instituições, assim como entre o Porto e Luanda, dominaram grande parte das intervenções pois a tónica foi a de aprofundar relações e assumi-las.

"A cidade do Porto não é neutral; é uma cidade onde as pessoas escolhem os seus amigos, escolhem os seus afetos", declarou Rui Moreira, aludindo ao afeto que existe entre o Porto e Luanda para justificar o seu apoio institucional e pessoal. E, no mesmo espírito, dirigiu-se especificamente ao líder portista para garantir que "enquanto eu for presidente da Câmara, também não haverá neutralidade nas relações com as instituições da cidade". Isto porque muitas pessoas "vivem as agruras e os sucessos do FC Porto como se fossem a sua vida". E Rui Moreira considera que isso é muito importante para "a unidade de uma cidade" que "tem um sentimento patriótico". Porque "de facto, o Porto é também uma Pátria".

Ao salientar que "nós sabemos bem quais são os símbolos da cidade, a consideração que nos merecem e o papel que desempenham na cidade", o autarca deu a Pinto da Costa o mote para, a pretexto do relacionamento desportivo e institucional com Luanda, recordar "a geminação [entre as duas cidades] que hibernou nos tempos em que também a nossa cidade hibernou (...)".

Por outro lado, o presidente portista congratulou-se com a presença na cerimónia de Fernando Gomes, atual administrador da SAD azul e branca e responsável pela geminação quando presidia à Câmara do Porto, há 20 anos, e de Rui Moreira que "foi a alma mater deste evento", sublinhando que ambos "amam a cidade". Ora, como considerou, "quem amar a cidade do Porto tem de amar o Futebol Clube do Porto, como tem de amar a Universidade do Porto, amar os hospitais do Porto. Tem de amar as instituições do Porto".



A exposição "A Casa de Luanda no Porto" visa divulgar a história e cultura angolanas, bem como reforçar a relação entre Luanda e o Porto. Assinala também os 22 anos da inauguração oficial da Casa do FC Porto de Luanda, apresentando no Museu do FC Porto provas das afinidades históricas, artísticas e desportivas entre as duas cidades e os dois países.

O FC Porto em Angola, a presença angolana no clube ao longo dos tempos, a atividade da Casa do FC Porto em Luanda, os mais de 500 anos de ligações históricas entre as duas cidades, a história de Angola desde as origens à atualidade, os novos valores culturais e artísticos do país, sem esquecer a força desportiva da AFA - Academia de Futebol de Angola, são os segmentos de uma exposição que também celebra 125 anos de FC Porto e exibe em Portugal a marca empreendedora do povo angolano.

A exposição, que inclui pintura, escultura, literatura, fotografia e moda angolanas, fica patente no Museu FC Porto até 31 de outubro, com entrada livre. O programa contempla ainda sessões musicais em dias específicos e palestras sobre temas diversos, nomeadamente um ciclo de conferências no Auditório Fernando Sardoeira Pinto, em que o jornalista Júlio Magalhães e o historiador Joel Cleto vão moderar quatro conversas subordinadas a temas transversais aos conteúdos da exposição, sempre a partir das 21 horas:

> 5 de setembro - "O Desporto e a ligação Angola/Portugal"
> 19 de setembro - "Porto e Luanda, história de uma longa relação"
> 3 de outubro - "Relações económicas e investimento"
> 25 de outubro - "A Música e a Literatura"